PremiumCGD avalia ações contra gestores que aprovaram crédito a Vale do Lobo

Advogados da CGD estão a avaliar ações cíveis contra gestores da administração de Santos Ferreira que deram ‘luz verde’ a operação Vale do Lobo. Parecer é entregue após o verão para decisão final.

A Caixa Geral Depósitos (CGD) está a avaliar ações judiciais contra antigos administradoress do banco que participaram na decisão do financiamento de 194 milhões de euros Vale do Lobo e posterior entrada do banco na sociedade gestora do empreendimento de luxo. Na mira dos advogados contratados estão todos os ex-gestores da administração da Caixa liderada por Santos Ferreira, mesmo não sendo responsáveis pelos pelouros diretamente associados à concessão daquele crédito. Mas que acabaram por aprovar a proposta de crédito sem evidência de debate ou confronto de posições, revelou ao Jornal Económico fonte próxima ao processo.

Em causa estão perdas de 228 milhões de euros de euros no financiamento ao empreendimento turístico, onde a Caixa acabou também por deter uma participação de 25% na sociedade Wolfpart. Estas decisões de crédito levaram a CPI à Caixa a concluir que configuraram ”uma partilha extremamente desequilibrada do risco” (ver texto ao lado), num documento que concluiu que a maioria das perdas teve origem nos anos do mandato da administração liderada por Santos Ferreira (2005-2008).

 

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Relacionadas

Críticas ao BdP, gestão do banco e governo de Sócrates. Conheça ao detalhe o relatório da CPI à Caixa Geral de Depósitos

Relatório final reflete as conclusões retiradas pelos deputados sobre a recapitalização da Caixa Geral de Depósitos e a gestão do banco público. Trabalhos começaram em março e as conclusões visam vários alvos: Banco de Portugal, gestão do banco e sucessivos Governos, com destaque para o Executivo liderado por José Sócrates.

Inquérito à CGD: Proposta do PSD sobre a “gestão danosa” não vai constar no relatório final

O Parlamento aprovou por unanimidade o projeto base do relatório da comissão de inquérito à gestão da Caixa que vai a votação final na próxima sexta-feira, 19 de julho. Alterações propostas pelo PSD foram as que geraram maiores divergências como a de incluir no a acusação de “gestão danosa” à administração liderada por Santos Ferreira.

Inquérito/CGD: Deputados concordam que BdP “nunca alertou” para perigos sistémicos

O Banco de Portugal (BdP) “nunca alertou a Caixa Geral de Depósitos (CGD) para o perigo” de operações para o sistema financeiro nacional, aprovaram hoje por unanimidade os deputados com base numa proposta do PSD.
Recomendadas

Epson Europa vê Portugal como “mercado totalmente estratégico”

Raúl Sanahuja, responsável de Relações Públicas e Comunicação da Epson, considera que as empresas portuguesas são mais “ousadas” e “lançadas” na integração de tecnologia de impressão.

“Problemas no setor de aviação convertem-se em oportunidades”, considera CEO da EuroAtlantic

Quais os grandes desafios que o setor da aviação vai ter que ultrapassar? Eugénio Fernandes, CEO da EuroAtlantic, esclarece que a empresa funciona em contraciclo com o mercado e que os problemas no setor convertem-se em oportunidades. Quanto aos problemas, este responsável aponta a falta de pessoal como questão a ultrapassar.

PremiumPartner da Peugeot lidera vendas nacionais da marca

Jean-Philippe Imparato explicou ao Jornal Económico a evolução global da marca no ano passado, com uma quebra de 8,8% registada nas suas vendas mundiais (excluído o mercado do Irão).
Comentários