Como aceder ao meu banco online?

Se ainda não utiliza os canais digitais do seu banco, aprenda a entrar no site ou app, de forma simples e segura, neste vídeo promovido pela Associação Portuguesa de Bancos, no âmbito do programa de literacia digital “Tudo o que precisa de saber sobre banca online”.

No âmbito do seu projeto de Educação Financeira, a Associação Portuguesa de Bancos (APB) promove o programa de literacia digital – “Tudo o que precisa de saber sobre banca online” – destinado essencialmente à população sénior que ainda não esteja familiarizada com a utilização da banca digital.

O objetivo deste programa é transmitir, ao público-alvo, um conjunto de noções básicas que lhe permita executar algumas das operações bancárias essenciais do dia-a-dia, através dos canais online, como fazer transferências, pagamentos, aprender a consultar a conta bancária através do computador ou telemóvel, estar alerta e saber proteger-se de eventuais tentativas de fraude, entre outros.

Recomendadas

Projeto Sitestar promove literacia digital dos mais novos

Esta iniciativa promove, através da criação dos sites, aprendizagens relacionadas com o planeamento de projetos, o desenvolvimento do espírito de trabalho em equipa, a criação de conteúdos escritos e audiovisuais, o respeito pelos direitos de autor, incentiva e auxilia na invenção e implementação das ideias dos alunos, a adotarem um sentido critico que lhes permita navegar em segurança e com mais confiança na internet.

Neste natal, saiba o que fazer caso a sua compra online fique interdita na alfândega

A carta ao Pai Natal pode exigir que faça encomendas de artigos vindos de um país extracomunitário. Cumprir este desejo pode ser numa prova de esforço que implica conhecer a legislação, enfrentar burocracias e custos, e ainda lidar com a encomenda ficar retida na alfândega.

Não deixe as suas compras natalícias para a véspera

Quem compra por impulso arrepende-se mais, tentando depois a troca. Trocar um bem comprado numa loja física que está em perfeitas condições é uma cortesia do comerciante. A troca só é obrigatória se houver defeito. Não se esqueça de escolher cuidadosamente, de recolher toda a informação sobre o produto, de o experimentar, se for possível, e combinar a possibilidade de troca. Evitará conflitos.
Comentários