Contribuintes estão a receber email falso do fisco. AT alerta: “mensagens devem ser ignoradas”

No e-mail fraudulento é indicado que há uma fatura eletrónica relativa a 2018, sobre a qual pende um alerta, que deve ser verificada através de um link que é fornecido. Fisco avisa que “em caso algum deverá efetuar essa operação” para evitar expor dados pessoais e acessos a informação pessoal e confidencial.

Cristina Bernardo

A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) lançou um  alertar, no Portal das Finanças, para a existência de um email fraudulento que está em circulação e a chegar à caixa do correio eletrónico de alguns contribuintes. No email fraudulento é indicado que há uma fatura eletrónica relativa a 2018, sobre a qual pende um alerta, que deve ser verificada através de um link que é fornecido. Fisco avisa que “em caso algum deverá efetuar essa operação”.

“A Autoridade Tributária e Aduaneira tem conhecimento de que alguns contribuintes têm recebido mensagens de correio eletrónico provenientes do endereço Portaldasfinancas.3aqb9@.pt nas quais é pedido que se carregue num link que é fornecido”, revela a administração fiscal no Portal das Finanças.

A AT alerta que estas mensagens “são falsas e devem ser ignoradas”, realçando que o seu objetivo é convencer o destinatário a aceder a páginas maliciosas carregando no link sugerido.

“Em caso algum deverá efetuar essa operação”, frisa a administração fiscal, aconselhando leitura do folheto informativo sobre segurança informática que contém avisos sobre os riscos para os contribuintes de situações deste tipo que podem levar à exposição dados pessoais e acessos a informação pessoal e confidencial.

AT recomenda a leitura do folheto informativo sobre Segurança Informática disponível no Portal das Finanças ver aqui.

Nesta brochura, no capítulo referente às mensagens enviadas por correio eletrónico e SMS e às páginas no browser maliciosas, o fisco dá conta que “por vezes, são enviadas ao contribuinte mensagens fraudulentas em nome da AT com o objetivo de o convencer a descarregar software malicioso”.

O folheto da AT salienta ainda que “noutras situações, são reproduzidas janelas de autenticação falsas, geradas por software malicioso que foi instalado nos computadores dos utilizadores. Estas janelas são falsas e devem ser ignoradas, pois têm o objetivo de convencer o destinatário a fornecer dados para autenticação no portal ou outro tipo de dados pessoais”.

É ainda reforçado o alerta da AT que não deve ser fornecida qualquer tipo de informação perante ataques desta natureza. E faz algumas recomendações como “suspeitar de links e ficheiros enviados por mensagens electrónicas”, “não fornecer ou divulgar as credenciais para acesso ao Portal das Finanças” e  “apagar as mensagens de origem desconhecida ou de conteúdo duvidoso”. E ainda  “confirmar junto da fonte sempre que, através de mensagens eletrónicas ou de sites da Internet, seja pedida qualquer ação ou interação; bem como em caso de dúvida, não se deve responder às mensagens, não clicar em links, nem descarregar ou abrir ficheiros.

Ler mais
Recomendadas

Saiba qual a opção mais viável para o aquecimento da sua casa

A escolha de aparelhos portáteis pode ser a opção mais económica, no entanto são equipamentos que consomem muita energia. Como não controlam a temperatura, funcionam por mais tempo do que o necessário e, além disso, fazem muito barulho e o conforto de utilização é baixo.

Tem problemas com som sem fios? Novo Bluetooth LE Audio está a chegar

Uma nova norma de som sem fios Bluetooth está a chegar e vai trazer muitos melhoramentos.

Saiba como funciona o Direito Real de Habitação Duradoura

Ressalva-se que o proprietário pode livremente transmitir, de forma onerosa ou gratuita, a propriedade do imóvel objeto de um contrato de DHD, não podendo contudo hipotecar o imóvel ou constituir outras garantias sobre o mesmo.
Comentários