PremiumCrédito Agrícola recebe carta de renúncia de Varela

A Caixa de Crédito Agrícola já recebeu a carta de António Varela a renúnciar às funções de presidente do Conselho Geral e de Supervisão.

Lícinio Pina, presidente do conselho de administração da Caixa de Crédito Agrícola confirmou ao Jornal Económico (JE) que recebeu a carta de renúncia de António Varela ao cargo para que tinha sido eleito, o de Presidente do Conselho Geral e de Supervisão (equivalente a chairman). Em maio, deu-se a eleição dos órgãos sociais para o triénio 2019-2021.

Na sequência da notícia do JE da semana passada, que dava conta das dúvidas do Banco de Portugal sobre a proposta do ex-administrador do próprio supervisor, para presidente não executivo do Crédito Agrícola, António Varela renunciou ao cargo.

António Varela arrisca chumbo do BdP para ‘chairman’ do Crédito Agrícola

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

Lucros do Bankinter afundam 50% para 220 milhões

Bankinter justifica recuo nos lucros com a realização de provisões devido à pandemia. Já o Bankinter Portugal viu os resultados antes de impostos recuarem 36% para 33 milhões de euros.

Conselho Geral do Novo Banco aprova hoje redução da administração executiva e continuidade de Ramalho

É hoje que é decidida a renovação do mandato para António Ramalho que se mantém presidente executivo do Novo Banco no próximo mandato de 2021-2024. O Conselho Geral de Supervisão vai reduzir o Conselho de Administração Executivo para seis membros e aprovar o novo plano de negócios.

Tribunal da Concorrência declara prescrição de coimas do BdP a ex-administrador do Montepio

Tribunal da Concorrência declarou a prescrição das contraordenações imputadas pelo supervisor ao ex-administrador do Montepio Rui Amaral, num processo que já teve sentença anulada pelo Tribunal da Relação e que tem novo início agendado para a semana.
Comentários