CTT e AliExpress em parceria para “Black Friday” da China

Os CTT a empresa do grupo AliBaba são parceiros numa campanha promocional exclusiva para o Festival de Compras do AliExpress, o “Black Friday” da China, que consiste em várias promoções, vales, cupões de desconto e outros conteúdos dinâmicos relativos a promoções do AliExpress que correspondam a encomendas enviadas para Portugal.

Cristina Bernardo

É a primeira vez que estará disponível para os clientes da AliExpress um site onde são anunciados e promovidos os cupões de desconto exclusivos para clientes portugueses que comprem durante o período do Festival, que termina no dia 12 de novembro. O acesso a este site pode ser feito pelo banner do site institucional dos CTT, em www.ctt.pt. No âmbito desta campanha promocional os clientes terão disponíveis os serviços de envio  ePacket e China Post Registered Mail para receberem pelos CTT as suas encomendas.

Para Alberto Pimenta, diretor de e-commerce dos CTT, “esta parceria mostra bem a importância crescente do e-commerce em Portugal e o papel dos CTT na liderança e desenvolvimento deste ecossistema. A associação a um gigante de comércio eletrónico como o AliExpress permite às duas empresas dar a conhecer, de forma coordenada, as capacidades no âmbito das vendas na internet para todo o mundo, do lado da AliExpress, e das entregas à escala de todo o território nacional, do lado dos CTT”.

O Festival “Double Eleven”, que acontece desde 2009, tem o seu dia forte a 11 de novembro (11.11), o chamado “Singles Day”, onde os comportamentos de compra dos chineses, hoje alargada à escala mundial, são semelhantes ao “Black Friday”, com descontos competitivos.

O AliExpress é uma empresa do grupo AliBaba e assume-se como o maior marketplace do mundo, contando com 100 milhões de utilizadores. Lançado em 2010, o AliExpress oferece mais de 20 categorias de produtos e introduziu novas tecnologias na experiência de compra. O ano passado mais de 231 países e regiões participaram no Festival de compras, com mais de 17 milhões de compradores por todo o mundo.

Relacionadas

Jack Ma: “Guerra comercial é a coisa mais estúpida do mundo”

O homem mais rico da China acredita que o conflito entre as duas nações pode persistir além do mandato de Donald Trump.

CTT apostam na inovação e apontam tendências para o setor postal

Os CTT divulgam hoje o primeiro Relatório de Inovação CTT. Este é um documento que agrega as principais iniciativas ligadas à inovação, modernização, robotização, digitalização e empreendedorismo.
Recomendadas

Mercadona procura quota de vendas superior a 10% em Portugal

Se replicar o êxito de Espanha, onde garante 25% das receitas com 17% da área comercial, grupo de Juan Roig vai chegar ao topo do mercado interno.

Dona do Minipreço sai de falência técnica após chegar a acordo com os credores

O grupo espanhol Dia anunciou que cumpriu as condições de suspensão do contrato de refinanciamento assinado a 25 de junho, tendo os seus títulos recuperado quase 12%.

Expansão da Mercadona em Portugal prossegue. Terceiro supermercado inaugurado na Maia

A nova loja localiza-se na freguesia de Vermoim, Maia, contando com uma superfície de vendas de 1.900 m2 e 190 lugares de estacionamento. A Mercadona “criou cerca de 85 novos postos de trabalho, estável e de qualidade, com contratos sem termo” com esta loja, representando “um investimento médio de 50 mil euros por colaborador”.
Comentários