Cuatrecasas procura startups inovadoras em blockchain e ‘smart contracts’

As candidaturas decorrem até ao próximo dia 16 de julho. A terceira edição do Acelera contará com um ‘Fast Track’, que permitirá às startups de LegalTech testar as suas soluções dentro do escritório ibérico.

O mais recente programa de aceleração de startups da Cuatrecasas já arrancou e as candidaturas decorrem até ao próximo dia 16 de julho. O terceiro ‘Acelera’ da sociedade de advogados procura empreendedores que possam inovar através da tecnologia blockchain e dos smart contracts.

Para auxiliar neste objetivo, a firma chegou a um acordo com o Alastria National Blockchain Ecosystem, um consórcio sem fins lucrativos do qual fazem parte mais de 255 instituições e empresas. As microempresas contarão com mentoria destes especialistas.

Além disso, o programa disponibiliza nesta sua terceira edição um ‘Fast Track’ que permitirá às startups de LegalTech testar as suas soluções dentro do escritório ibérico. Trata-se de uma experiência piloto que lhes permitirá conhecer a viabilidade das suas iniciativas numa atmosfera profissional real.

No próximo mês de setembro serão pré-selecionadas entre 15 e 20 iniciativas [da área jurídica (LegalTech), da financeira (FinTech), da seguradora (InsurTech) e da saúde (MedTech)] e também, mais tarde, anunciadas as seis startups eleitas para aceleração.

Recomendadas

Startup Wegho vai contratar em Lisboa e no Porto

A startup, lançada apenas há um ano, conta com 20 colaboradores na rede de serviços e para cima de 3000 utilizadores registados.

Nors abre concurso internacional para startups com 10 mil euros de prémio

As inscrições para o concurso internacional de startups, promovido pelo grupo Nors Digital Disruptos, já está aberto. As candidaturas devem ser enviadas até ao dia 3 de oububro. A startup vencedora ganhará um prémio de 10 mil euros e ainda um ano de incubação.

TecMinho abre candidaturas para Laboratório de Ideias de Negócio

O programa de aceleração de ideias de negócio destina-se a todos os alunos, diplomados, docentes e investigadores do ensino superior. O período de candidaturas termina a 20 de outubro.
Comentários