De hoje não passa: Jackpot de 190 milhões tem de ser entregue hoje

Para garantir os “princípios de jogo responsável” o Euromilhões tem o prémio máximo limitado. Se o jackpot não sair durante cinco concursos consecutivos, o prémio vai ser entregue ao quinto concurso. Se não houver totalistas, passa para a categoria inferior.

Jose Manuel Ribeiro/Reuters

De hoje já não passa: o jackpot de 190 milhões de euros do Euromilhões vai ter de ser entregue esta terça-feira, 8 de outubro.

Segundo mandam as regras, 190 milhões de euros é o valor máximo para um primeiro prémio do Euromilhões. Este valor máximo pode manter-se durante um máximo de cinco concursos. Como o jackpot foi atingido a 24 de setembro, o último concurso vai ter lugar na noite desta terça-feira.

Mas porque é que existe este limite? “A limitação do valor do jackpot, partilhada pelo conjunto das Lotarias participantes no Euromilhões, tem como principal objetivo a garantia a prossecução dos princípios de jogo responsável”, explica a Santa Casa.

Se não houver nenhum totalista aplica-se a regra do roll down: se não houver nenhum totalista, o jackpot vai ser entregue ao vencedor do segundo prémio, que poderá ser dividido se houverem vários vencedores.

Além do jackpot, o vencedor também vai ter direito ao prémio da sua categoria (2º prémio ou 3º prémio, por exemplo), se não houver nenhum totalista.

Em Portugal, já foi atribuído um jackpot máximo de 190 de milhões de euros. A 24 de outubro de 2014, um apostador de Castelo Branco venceu o maior prémio de sempre atribuído em Portugal.

Ler mais
Relacionadas

Arrisque ‘chaves’ impopulares ou use datas. Cinco dicas para ganhar os 190 milhões em jogo

De um ponto de vista racional, o Euromilhões é um mau investimento, como todas as outras lotarias, raspadinhas e material similar. Porém, se for jogar faça o seu investimento valer. Saiba como aumentar as hipóteses de acertar na chave do prémio de hoje: 190 milhões de euros estão em jogo.
Recomendadas

Matrículas só são obrigatórias para alunos que começam novo ciclo

Ministério da Educação decidiu mudar as regras face às dificuldades sentidas nas últimas semanas por pais e encarregados de educação. Site das matrículas até foi alvo de ataques informáticos.

Portugal regista 44.416 casos e 1.629 óbitos por Covid-19

Região de Lisboa e Vale do Tejo regista o número mais elevado de infeções ao dia de hoje, tendo confirmado mais 207 casos em relação aos dados da véspera. O número de casos recuperados em Portugal aumentou para 29.445.

Ministério da Educação dá vínculo a mais 872 professores

A Direção-Geral da Administração Escolar publicou esta terça-feira, 7 de julho, as listas definitivas do concurso externo de professores que pode consultar aqui. O número candidatos voltou a subir, passando de 34 mil, em 2019, para quase 37 mil em 2020.
Comentários