Dia Mundial da Alimentação. Sete dicas para comer melhor

É possível fazer uma alimentação saudável, rica em nutrientes e a preços acessíveis. Para isso deve ser muito criterioso quanto às suas escolhas alimentares.

Nas vésperas da celebração da efeméride mundial da alimentação, queremos deixar-vos algumas dicas para poupar nas despesas com as refeições.

Começamos por afirmar que é possível fazer uma alimentação saudável, rica em nutrientes e a preços acessíveis. Para isso deve ser muito criterioso quanto às suas escolhas alimentares.

Algumas dicas:

1 – Comece o dia com um bom pequeno-almoço, em casa: leite, pão com queijo ou fiambre e fruta, são mais baratos e mais saudáveis! Os cereais de pequeno-almoço são práticos, mas mais caros e carregados de açúcar;

2 – Cozinhe em casa as refeições para a família. Aproveite as sobras com criatividade e evite as refeições pré-cozinhadas;

3- Prefira os legumes e frutas da época e da região. São mais saborosas e, em princípio, mais baratas;

4 – Prefira os alimentos que nutricionalmente são mais interessantes que outros. Os doces, os bolos e bolachas, os refrigerantes, os snacks para crianças têm muito açúcar e devem ser consumidor com muita moderação;

5 – Evite os alimentos enriquecidos. São mais caros e a não ser por conselho médico, não precisa deles;

6 – Leia os rótulos dos alimentos, verifique os prazos de validade e saiba o que está a comer consultando a lista de ingredientes;

7 – Os produtos congelados como, por exemplo o pescado, podem ser uma boa opção.

Conte com o nosso apoio.

Retomámos o atendimento presencial. Pode agendar a sua consulta através dos contactos: 213 710 200 ou email: deco@deco.pt. Visite o nosso site DECO.PT e siga-nos nas páginas de Facebook, Twitter, Instagram e Linkedin.

Recomendadas

Projeto Sitestar promove literacia digital dos mais novos

Esta iniciativa promove, através da criação dos sites, aprendizagens relacionadas com o planeamento de projetos, o desenvolvimento do espírito de trabalho em equipa, a criação de conteúdos escritos e audiovisuais, o respeito pelos direitos de autor, incentiva e auxilia na invenção e implementação das ideias dos alunos, a adotarem um sentido critico que lhes permita navegar em segurança e com mais confiança na internet.

Neste natal, saiba o que fazer caso a sua compra online fique interdita na alfândega

A carta ao Pai Natal pode exigir que faça encomendas de artigos vindos de um país extracomunitário. Cumprir este desejo pode ser numa prova de esforço que implica conhecer a legislação, enfrentar burocracias e custos, e ainda lidar com a encomenda ficar retida na alfândega.

Não deixe as suas compras natalícias para a véspera

Quem compra por impulso arrepende-se mais, tentando depois a troca. Trocar um bem comprado numa loja física que está em perfeitas condições é uma cortesia do comerciante. A troca só é obrigatória se houver defeito. Não se esqueça de escolher cuidadosamente, de recolher toda a informação sobre o produto, de o experimentar, se for possível, e combinar a possibilidade de troca. Evitará conflitos.
Comentários