Dona da Nowo contrata Goldman Sachs para estudar fusão com a Vodafone em Portugal e Espanha

O interesse da MásMóvil na operação espanhol da Vodafone não é novo. Mas, segundo a imprensa espanhola, o interesse chega agora também à Vodafone Portugal. O diálogo com a Vodafone ter-se-á intensificado. Ao JE, a Vodafone Portugal rejeita fazer comentários.

A MásMóvil, telecom espanhol que controla a portuguesa Nowo, contratou o banco de investimento Goldman Sachs para estudar aquisições nos mercados espanhol e português, incluindo uma fusão com a Vodafone. O interesse da MásMóvil na operação ibérica da Vodafone não é novo e, segundo conta o “El Confidencial”, esta quarta-feira, ambas as partes estão a explorar uma fusão.

O Jornal Económico contactou a Vodafone Portugal, mas a empresa liderada por Mário Vaz rejeitou fazer comentários.

A MásMóvil terá apresentado uma proposta de compra pela Vodafone Espanha, no valor de seis mil milhões de euros, no final de outubro de 2020. A oferta surgiu no seguimento de uma primeira abordagem durante o verão, visando apenas o mercado espanhol. Agora, a imprensa espanhola salienta que o interesse da MásMóvil estende-se à Vodafone Portugal. E as conversações entre os dois grupos ter-se-ão intensificado nas últimas semanas.

A MásMóvil entrou em Portugal no verão de 2019, após a aquisição do grupo Nowo/ONI. Mas em novembro de 2020, a MásMóvil passou a controlar apenas 100% do capital da Nowo, após um acordo entre acionistas para separar a Nowo da ONI, que passou para as mãos da Gigas.

A MásMóvil, que em Espanha tem a quarta maior operação de telecomunicações, estará a preparar-se para lançar-se nas comunicações móveis. O operador espanhol, depois de ter anunciado que iria participar no leilão do 5G, terá conseguido garantir as licenças de todos os lotes disponíveis na faixa dos 1.800 MHz, na fase reservada a novos entrantes.

Relacionadas

Dona da Nowo assegura espetro em Portugal para construir rede 4G

O jornal espanhol “Expansión” dá conta que, ao adquirir espetro, a MásMóvil prepara-se para construir uma rede 4G em Lisboa, Porto e Algarve, competindo diretamente com os operadores históricos Meo, NOS e Vodafone.

5G: Grupo espanhol Másmóvil vai entrar no leilão português através da Nowo

A Másmóvil entrou no mercado português no ano passado, com a compra, em conjunto com a GAEA, da Cabonitel, dona da Nowo e da Oni, aos fundos da norte-americana KKR.
Recomendadas

WeWork chega ao mercado bolsista

Entrada no mercado de ações acontece depois do entrave criado pela pandemia e de uma Oferta Pública Inicial (IPO) falhada.

EDP inaugura centro de operações de parque eólico offshore Moray East na Escócia

Este centro de operações e manutenção agora inaugurado será responsável pela gestão diária de Moray East e a sua criação, além de impulsionar a estratégia de transição energética da EDP, contribui para o desenvolvimento da região, nomeadamente ao criar 100 novos postos de trabalho.

Parlamento debate financiamento da redução tarifárias nos transportes públicos. Veja em direto

Os deputados reúnem-se esta quinta-feira para debater vários projetos de lei, entre os quais os do PCP e PAN sobre o regime de financiamento permanente do programa de apoio à redução Tarifária nos transportes públicos. Veja em direto.
Comentários