Empresa imobiliária de Warren Buffett entra no mercado português aliando-se à Portugal Property

A Berkshire Hathaway HomeServices entra esta sexta-feira no mercado português através da parceria com a corretora imobiliária nacional, passando a designar-se Berkshire Hathaway HomeServices Portugal Property.

Carlos Barria/Reuters

A Berkshire Hathaway HomeServices, empresa imobiliária do multimilionário Warren Buffett fez esta sexta-feira, 4 de outubro a sua entrada oficial no mercado português. Para tal, estabeleceu uma parceria com a Portugal Property, corretora imobiliária que analisa o volume de vendas e número de escritórios.

A rede Berkshire Hathaway HomeServices gerou cerca de 113,5 mil milhões de euros em volume de vendas no ano passado.

Fundada em 2008 pelo CEO Michael Vincent, a Portugal Property conta com sete escritórios em Lisboa, no Porto e no Algarve. A empresa e os seus 43 agentes foram responsáveis por um volume de quase 90,5 milhões de euros em 2018.

Gino Blefari, presidente do Conselho de Administração da Berkshire Hathaway HomeServices, reconhece que “Portugal é um país essencial na nossa estratégia de expansão global”, dado que “a economia portuguesa tem vindo a responder assertivamente ao cenário global desfavorável e o mercado imobiliário do país não para de crescer”.

Por sua vez, Michael Vicent, espera duplicar o número de corretoras durante os próximos cincos anos, e como tal acredita que “a marca Berkshire Hathaway HomeServices nos vai ajudar a ter acesso a novos mercados e a um maior número dos mais influentes investidores em imobiliário a nível mundial que estão cada vez mais atraídos por Portugal”.

Recomendadas

Preço médio das rendas subiu perto de 2% em setembro

Viana do Castelo, Viseu, Porto e Aveiro foram os distritos que apresentaram a maior variação no preço médio. Em sentido inverso, Bragança registou a maior quebra no preço médio de arrendamento face ao mês de agosto, de acordo com os dados do portal Imovirtual.

Urbiwise lança serviço profissional para o mercado imobiliário

Plataforma de inteligência artificial criou o serviço Urbiwise PRO que vai permitir uma atualização diariamente, para suportar a decisão de agências e agentes imobiliários, investidores, utilities, bancos, seguradoras, entre outros com interesse no setor imobiliário.

“As casas vão aparecer. Não houve fuga dos investidores”, afirma diretor da JLL

Pedro Lancastre assume que o mercado imobiliário tem reagido bem à pandemia do novo coronavírus, com o segmento residencial e logístico a serem aqueles que mais vantagens têm tirado.
Comentários