Empresas de Software Open Source premeiam IGFEJ

A ESOP – Associação de Empresas de Software Open Source Portuguesas entregou o Prémio Abertura 2018, um galardão anual que visa distinguir “as entidades que contribuem para a dinamização do software Open Source e Tecnologias Abertas em Portugal”, ao Instituto de Gestão Financeira e Equipamentos da Justiça.

A ESOP – Associação de Empresas de Software Open Source Portuguesas – já entregou o Prémio Abertura 2018, um galardão anual que visa distinguir “as entidades que contribuem para a dinamização do software Open Source e Tecnologias Abertas em Portugal”. O vencedor deste ano, o Instituto de Gestão Financeira e Equipamentos da Justiça (IGFEJ), foi anunciado pelo vice-presidente da ESOP, Paulo Ribeiro, na 16ª edição do Open Source Lisbon que decorreu na Cidade do Futebol.

O prémio foi entregue ao presidente do conselho diretivo do IGFEJ, Joaquim Carlos Rodrigues po Cândido Mariz, em representação do Município de Barcelos, entidade distinguida no ano passado.

De acordo com o presidente do Instituto, “o IGFEJ agradece este prémio à ESOP, partilhando-o com o nosso parceiro Caixa Mágica e dedicando-o aos colaboradores das nossas organizações que tudo têm feito para elevar o patamar da transformação digital e dos serviços online na área da Justiça”.

Desenvolvido pela Caixa Mágica Software, uma associada ESOP, o projeto Certidão Judicial Electrónica (CJE) teve início em 2017, com o objetivo de criar um portal onde os utilizadores possam solicitar e emitir certidões referentes a declarações online acerca dos seus processos judiciais. Antes, para se obter esta certidão, era necessário que o cidadão se deslocasse a um tribunal, fizesse um requerimento formal por escrito e esperasse que o mesmo desse seguimento. O projecto foi realizado usando as tecnologias Java, Apache, Tomcat e Web Services REST.

Além do IGFEJ, estavam também nomeados pelos associados ESOP o Ministério Público e o Ministério das Finanças, este último por via do projecto UniLEO (Unidade de Implementação da Lei de Enquadramento Orçamental).

PCGuia
Ler mais
Recomendadas

Metade das empresas portuguesas têm presença nas redes sociais

Cerca de 50% das empresas portuguesas têm presença nas redes sociais como o Facebook, Twitter, Instagram ou YouTube, a mesma percentagem registada em toda a União Europeia (UE), segundo estatísticas hoje divulgadas pelo Eurostat.

Comissões arrecadadas pelos bancos subiram 40 milhões de euros e superaram 1.500 milhões em 2019

O parlamento debate esta quinta-feira 11 propostas de Bloco de Esquerda, PCP, PS, PAN e PSD sobre comissões bancárias, como limitar as comissões cobradas pelos bancos em meios de pagamento como MB Way, em declarações relacionadas com contratos de créditos e alterações unilaterais de contratos de crédito.

Exercício dos direitos de subscrição de novas ações da Cofina arranca hoje

O período de exercício dos direitos de subscrição de novas ações da Cofina, no âmbito do aumento de capital para a compra da Media Capital, arranca hoje às 08h30 e termina às 15h00 de 10 de março.
Comentários