EuroBic financiou empresa do marido de Isabel dos Santos em nove milhões de euros

O dinheiro serviu para financiar a atividade da empresa de Sindika Dokolo em França como distribuidora de jóias de luxo da empresa de diamantes De Grisogno, avança o Correio da Manhã.

O banco EuroBic emprestou nove milhões de euros, em 2013, a uma empresa do marido de Isabel dos Santos, Sindika Dokolo, aponta o ‘Correio da Manhã’ esta quarta-feira, 29 de janeiro. O crédito foi concedido à Euro Atlantic Asset Management para que pudesse desenvolver a atividade em França como distribuidora de jóias de luxo da De Grisogono, empresa detida por Sindika Dokolo desde 2012.

Isabel dos Santos é a maior acionista do EuroBic com 42,5%, tendo já anunciado a sua intenção de vender a sua posição depois das revelações da investigação jornalística Luanda Leaks.

A publicação aponta que o crédito foi refinanciado à empresa de diamantes controlada por dos Santos e Dokolo e que atualmente se encontra em cumprimento. O empréstimo foi aprovado pela administração do Banco BIC. De acordo com o CM, a ata da reunião aponta que “o Conselho deliberou aprovar, com parecer prévio favorável  do Conselho Fiscal e de acordo com as condições aprovadas em Conselho de Crédito, um financiamento à sociedade de direito suíço denominada Euro Atlantic Asset Management”.

Na reunião em que o crédito foi concedido estiveram presentes o então presidente da administração Fernando Teles, Américo Amorim, Luís Mira Amaral, à data presidente da comissão executiva, Jaime Pereira, então vice-presidente da comissão executiva, Carlos Treguelho, Diogo Barrote, Artur Marques e Rui Pedras.

A garantia de pagamento dada por Sindika Dokolo foi dada através de uma livrança caução subscrita pela empresa e avalizada pelo marido de Isabel dos Santos. O contrato mútuo de nove milhões de euros foi realizado a cinco anos, com juros Euribor a seis meses acrescidos de spread de 6%.

Recomendadas

Prémios ‘Grandes Escolhas’ elegeram os melhores vinhos nacionais de 2019

A entrega destes 30 prémios decorreu, num jantar em Sangalhos, Anadia, numa cerimónia que pretendeu reconhecer os grandes protagonistas do mundo da enologia e da gastronomia nacionais.

SunEnergy instala 345 painéis solares nos Armazéns Reis de Aveiro

Este contrato de autoconsumo com os Armazéns Reis, empresa que se dedica ao comércio e distribuição de materiais de construção, ‘bricolage’, decoração e jardim, vai permitir uma poupança de 15 mil euros em energia, todos os anos.

Secil com expetativas positivas para 2020 no setor do cimento

De acordo com as estatísticas, o mercado de cimentos em Portugal em 2019 terá crescido cerca de 15% comparativamente ao período homólogo.
Comentários