Exportações de Angola ao abrigo do Prodesi superaram 20 milhões de euros no primeiro semestre

Entre os principais produtos exportados na primeira metade do ano estão cimento, no valor de 11,8 milhões de dólares (10 milhões de euros), cerveja, 5,2 milhões de dólares (4,38 milhões de euros), e embalagens e garrafas de vidro, que totalizaram 2,5 milhões de dólares (2,1 milhões de euros).

As exportações ao abrigo do programa de diversificação da economia angolana (Prodesi) totalizaram 24 milhões de dólares (20,22 milhões de euros), segundo dados do Ministério da Economia e Planeamento de Angola.

Entre os principais produtos exportados na primeira metade do ano estão cimento, no valor de 11,8 milhões de dólares (10 milhões de euros), cerveja, 5,2 milhões de dólares (4,38 milhões de euros), e embalagens e garrafas de vidro, que totalizaram 2,5 milhões de dólares (2,1 milhões de euros).

A consultora NKC African Economics saudou o crescimento destas exportações, mas referiu que Angola tem ainda um longo caminho a percorrer para reduzir a dependência do setor petrolífero.

“Apesar do crescimento das exportações de produtos não-petrolíferos ser encorajadora, Angola ainda tem um longo caminho a percorrer para reduzir a sua dependência do petróleo e assegurar estabilidade económica futura”, referiu a consultora.

A NKC assinalou que em 2020, as exportações do setor representaram “quase 96% das exportações totais, 54% da receita do Governo e 31% do PIB real”

O PRODESI tem como linhas de financiamento os seguintes instrumentos: recursos remanescentes de linhas de crédito bilateral, estabelecidas inicialmente para atender ao Programa de Investimentos Públicos, recursos provenientes do Investimento Direto Estrangeiro, fundos de ‘private equity’ do Fundo Soberano de Angola, outros recursos do mercado financeiro nacional e estrangeiro disponíveis, como fundos privados de ‘private equity’, financiamentos com garantia de geração de créditos de carbono, etc.

 

Recomendadas

PremiumAnne Hidalgo: mais uma espanhola interessada no trono de França

Não é a primeira espanhola de nascimento que tenta chegar longe na chauvinista política caseira gaulesa – o ex-primeiro-ministro Manuel Vals, um catalão, faz disso prova viva sem ter de se ir aos compêndios de História Medieval – mas a atual ‘maire’ de Paris propõe-se não só chegar à Presidência da República francesa, como, antes disso, produzir o verdadeiro milagre de fazer renascer o Partido Socialista francês das cinzas onde o ex-Presidente François Hollande o deixou vai para quatro anos.

Reino Unido elimina lista ‘amber’ onde estava inserido Portugal e já não vai pedir testes negativos aos vacinados

O anúncio surge na sequência de uma revisão das regras em vigor em território britânico e após o secretário dos Transportes, Grant Shapps, ter dito que oito países seriam retirados da lista vermelha. Assim, Portugal passa a estar na lista ‘verde’.

PremiumGuerra com juízes do Supremo sai cara a Jair Bolsonaro

Mesmo depois de se ter desculpado, o presidente brasileiro estáa perder hipóteses de voltar a ser eleito para novo mandato. E prestes a entrar numa nova fase de tensão com o Supremo Tribunal Federal, desta vez por causa da internet e da venda de armas.
Comentários