Farfetch lança projeto de 2,3 milhões de euros para desenvolver ‘chatbots’

O iFetch, que será lançado em parceria com a Universidade Nova de Lisboa e o Instituto Superior Técnico, é cofinanciado pelo Governo através do Portugal 2020.

A Farfetch anunciou esta quinta-feira que vai lançar um projeto inovador, no valor de 2,3 milhões de euros, para desenvolver uma nova geração de agentes de conversação online (chatbots) que melhorem a experiência dos clientes antes, durante e depois da compra.

Chama-se “iFetch”, prevê-se que esteja concluído no máximo daqui a três anos e conta com parceiros de renome da academia, a Universidade Nova de Lisboa e o Instituto Superior Técnico. O projeto, cofinanciado pelo Governo através do programa Portugal 2020, pretende revolucionar o comércio eletrónico na moda de luxo.

Como? Através de plataformas de conversação que permitam uma interação com os consumidores com um interface multimodal (inteligência artificial), fazendo com que a experiência dos internautas (e-consumers) se assemelhe à de uma loja física.

“A área dos chatbots multimodais tem ainda muito por explorar e acredito que este é um projeto com um potencial enorme. O iFetch pode trazer inovações significativas para as compras online num futuro muito próximo, permitindo aos utilizadores ter acesso a informação de uma forma mais natural, e ajudando-os a tomar melhores decisões de compra”, afirma Luís Carvalho, vice presidente de Architecture da Farfetch.

O iFetch está enquadrado no programa da Carnegie Mellon University que visa colocar Portugal na linha da frente da inovação na área de informação e comunicação tecnológica (CMU Portugal). O executivo da Farfetch considera que a empresa já mostrou noutros projetos que “valoriza muito” a ligação à comunidade e mostra-o novamente nesta iniciativa, “com potencial para revolucionar a experiência de compra online de milhões de consumidores”.

Recomendadas

Livro revela que Elon Musk tentou ser CEO da Apple, mas dono da Tesla desmente rumor

“Não quero ser CEO de nada”, escreveu o Elon Musk na rede social Twitter na passada sexta-feira.

Testes de ‘stress’ do BCE analisaram Novo Banco entre os 51 médios e pequenos bancos abrangidos

De acordo com os dados publicados pela instituição, o banco liderado por António Ramalho poderia, num cenário adverso, perder entre 600 e 899 pontos base e atingir um CET1 ‘fully loaded’, ou seja, tendo em conta futuras exigências de capital, abaixo de 8%.

Discotecas podem reabrir no domingo com regras da restauração, afirma associação

“Um estabelecimento que é considerado como discoteca tendo o CAE de bar, à imagem daquilo que os bares podem fazer, neste momento, que é estar abertos até às duas da manhã, com regras da restauração, sendo que estas regras da restauração não é obrigatoriedade de servir comida, mas sim têm a ver com distanciamento entre mesas, o número limitado de pessoas por mesa ou a exigência de certificado digital à porta durante o período de fim de semana, portanto estas regras da restauração aplicadas aos bares permitem também a discotecas com CAE de bar que o façam”, declarou o presidente da ADN.
Comentários