Fórum para a Competitividade lança projeto Exportadoras Outstanding

O projeto Exportadoras Outstanding conta com a Allianz, o BBVA, a Caixa Geral de Depósitos, a COSEC, a PWC e ainda as escolas de negócios AESE e Porto Business School como parceiros que vão disponibilizar o seu aconselhamento estratégico, jurídico, fiscal, de apoio à captação de investimento, formação e apoio ao crédito.

O Forum para a Competitividade juntou várias empresas para trabalharem em parceria com o objetivo de potenciar e fazer crescer as exportações nacionais.

O projeto Exportadoras Outstanding conta com a Allianz, o BBVA, a Caixa Geral de Depósitos, a COSEC, a PWC e ainda as escolas de negócios AESE e Porto Business School como parceiros que vão disponibilizar às empresfórumas o seu aconselhamento estratégico, jurídico, fiscal, de apoio à captação de investimento, formação e apoio ao crédito.

Segundo o comunicado do Fórum liderado por Pedro Ferraz da Costa, ao projeto associaram-se também grandes empresas exportadoras de várias áreas de atividade, como a Bondalti (química industrial), a fabricante de autocarros CaetanoBus, a farmacêutica Hovione, a Navigator e a Tabaqueira. “Estas empresas vão ajudar a abrir caminho às de menor dimensão, pondo ao dispor a sua experiência”, explica o Fórum.

O projeto Exportadoras Outstanding, da responsabilidade do Fórum, “surge da real importância que as exportações têm na economia portuguesa (num momento em que o crescimento das exportações desacelerou, contribuindo de forma menos positiva para o PIB) e do grande potencial de crescimento que o setor ainda apresenta, sendo a cooperação empresarial uma forma de impulsionar esse crescimento”, refere.

“O objetivo do projeto é que empresas exportadoras de grande escala e parceiros especialistas em várias áreas no apoio à exportação sejam mentores e autênticos “porta-aviões” de lançamento para empresas exportadoras de menor dimensão, mas com grande potencial de crescimento”, diz o Fórum.

“Estamos a falar de empresas que já exportam, mas que têm potencial para o fazer em maior escala e em mercados diferentes. A falta de escala tem sido uma das fragilidades das empresas portuguesas no que à exportação diz respeito, por isso vimos nesta ideia uma forma de conjugar sinergias e capacitar as melhores empresas exportadoras para serem ainda maiores e ajudarem a fazer crescer as exportações”, diz Pedro Ferraz da Costa, presidente do Forum para a Competitividade.

O projeto Exportadoras Outstanding conta com quatro workshops anuais que vão decorrer em diferentes cidades do país e onde as empresas vão contactar diretamente umas com as outras e com os parceiros estratégicos, revela a nota.

Ler mais

Recomendadas

Programa Edifícios Mais Sustentáveis: “uma oportunidade com algum risco”, alerta Deco

Há um novo apoio para quem quer fazer obras ou comprar equipamentos para melhorar a eficiência energética em casa. Com uma dotação de 4,5 milhões de euros para 2020 e 2021, Programa de Apoio a Edifícios mais Sustentáveis” já atingiu um milhão de euros em pagamentos em 521 candidaturas validadas. Mas o reembolso não é garantido, alerta a Deco.

AEP critica novas medidas de confinamento

A Associação Empresarial de Portugal diz que “estamos perante um combate com impactos cada vez mais assimétricos”, que só vai ser agravado “com o ónus de dispensar os seus trabalhadores nos dias 30 de novembro e 7 de dezembro”.

Covid-19: Federação intersindical alerta para perda de “muitos postos de trabalho” na informação médica

O aumento do recurso a meios digitais na visitação de hospitais por profissionais da indústria farmacêutica pode levar “à perda de muitos postos de trabalho”, alerta a Fiequimetal, numa reunião com a Associação Portuguesa dos Administradores Hospitalares (APAH), que, diz Federação Intersindical, partilha esta preocupação.
Comentários