Foto chocante de pai e filha afogados levanta debate sobre riscos que os migrantes correm

Um pai e uma filha salvadorenhos foram encontrados mortos na margem do rio Bravo, que separa o México dos Estados Unidos. Óscar e Valeria perseguiam o sonho americano de uma vida melhor.

Vadim Ghirda

Um homem de 25 anos e a sua filha de 21 meses, oriundos de São Salvador, morreram afogados numa tentativa de atravessar o rio Grande no México para chegar aos Estados Unidos, rumo ao sonho americano, em busca de uma vida melhor.

Óscar Alberto Martínez Ramírez, a sua esposa Vanessa Ávalos, e a sua filha Valeria decidiram rumar aos Estados Unidos em abril por não encontrarem emprego no seu país, na América Central.

Procuravam uma vida melhor. A história é mais uma tragédia a envolver migrantes documentada através de uma fotografia que se tornou viral pela negativa, conta o jornal ‘The Guardian’.

Óscar e Valeria perderam a vida este domingo ao serem arrastados pela corrente do rio Bravo quando tentavam ultrapassar aquele que seria o último obstáculo antes de chegarem à terra prometida.

Segundo Julia Le Duc, repórter do jornal mexicano La Jornada, Martínez Ramírez chegou à cidade de Matamoros no domingo, no norte do México, na esperança de pedir asilo às autoridades americanas com sua esposa, Vanessa e a sua filha.

Mas quando o pai se apercebeu que poderia levar semanas até que as autoridades pudessem dar início ao pedido de asilo, Martínez decidiu fazer a travessia a nado, contou Julia Le Duc ao The Guardian.

“Ele atravessou primeiro com a menina e deixou-a no lado americano”, começou por contar. “Mas quando voltou para ir buscar a mulher, a menina voltou a entrar na água atrás dele. Quando se virou para salva-la, a corrente levou os dois”, relatou Julia Le Duc. Os corpos foram encontrados na segunda-feira.

No meio da tragédia, a família depara-se com outro problema. O Governo de São Salvador informou que as funerárias podem cobrar cerca de 7.500 dólares (mais de 6.500 euros) pelo repatriamento dos corpos.

Dezenas de pessoas já morreram este ano ao tentar atravessar o rio Grande rumo aos Estados Unidos, onde os níveis de água atingiram os níveis mais altos em 20 anos, devido ao degelo nas montanhas que está a atingir níveis recorde.

Muitos criticam a postura de Donald Trump e as suas políticas para os migrantes que endureceram as condições de vida de cerca de 500 mil migrantes, vindos do México, El Salvador, Guatemala, Honduras, Cuba, Haiti e de vários países africanos e asiáticos.

Ler mais
Recomendadas

Ursula von der Leyen foi eleita pela margem mais estreita em 25 anos

É preciso recuar até ao momento em que Jacques Santer sucedeu ao “eterno” Jacques Delors para encontrar uma votação para a presidência da Comissão Europeia tão renhida. A até agora ministra da Defesa da Alemanha esteve longe de conseguir fazer o pleno entre as três maiores famílias políticas do Parlamento Europeu.

FMI aprova instrumento para apoiar Cabo Verde nas reformas

O novo Instrumento de Coordenação de Políticas do Fundo Monetário Internacional estará a funcionar entre julho de 2019 a janeiro de 2021.

Apoio socialista garante eleição de Ursula von der Leyen

Rejeição da candidata a presidente da Comissão Europeia entre os socialistas e os centristas não foi suficiente para impedir a eleição de Ursula von der Leyen.
Comentários