Fumadores arriscam até 250 euros de multa se atirarem beatas para o chão

Se os tabagistas estão sujeitos a multas, o mesmo acontece às entidades que não disponibilizem cinzeiros aos clientes. Para as entidades, as multas podem ir dos 250 euros até aos 1.500 euros. A medida vai ser submetida à votação final na sexta-feira e só entra em vigor em 2020.

Atirar o que resta de um cigarro para o chão é um hábito adquirido por muitos fumadores. Agora, o comportamento de deitar beatas de cigarros para o chão vai corresponder a uma multa mínima de 25 euros, sendo que pode atingir um valor máximo de 250 euros.

Segundo o Expresso, os tabagistas estão sujeitos a multas, o mesmo acontece às entidades que não disponibilizem cinzeiros aos clientes. Caso entidades como cafés ou restaurantes não disponibilizem um cinzeiro para a deposição das beatas, estão a cometer uma infração que lhes pode custar entre 250 euros e 1.500 euros.

Esta medida foi aprovada no passado dia 14 de junho, após o projeto de lei do PAN, que prevê ainda a criação de ações de sensibilização para os fumadores e cinzeiros nas paragens dos transportes públicos.

Apesar de a medida só vir a entrar em vigor em 2020, devido a um ano de adaptação em que não são aplicadas multas, o Governo vai ter de realizar as ações de sensibilização pedidas pelo PAN, junto de consumidores, empresas e outras entidades.

Embora já tenha sido aprovado na especialidade, a votação final na generalidade só acontecerá na próxima sexta-feira.

Recomendadas

Aulas vão arrancar sem o reforço prometido de mais mil funcionários

O início das aulas está marcado para entre 10 e 13 de setembro mas o reforço prometido pelo Ministério da Educação em fevereiro pode só chegar em outubro.

Livreiros recusam vouchers de manuais gratuitos por falhas nos pagamentos

O Ministério de Tiago Brandão Rodrigues afirmou que os pagamentos estão a ser realizados “dentro dos prazos” e que por enquanto não há reclamações apresentadas. O ministério avança ainda que “as faturas recebidas até 9 de agosto, inclusive, estão pagas”.

Leite achocolatado, bolachas e cereais para crianças deixam de ter publicidade

A lei da publicidade vai apertar a partir do próximo mês de Outubro. As multas para os que infringirem a lei da publicidade ronda os 1.750 euros e 45 mil euros. Outros produtos que deixarão de ser publicitados a este público são também 90% dos cereais de pequeno almoço e 72% dos iogurtes que estão no mercado.
Comentários