Galp. Empresa anuncia dividendo de 35 cêntimos relativo a 2020 e de 50 cêntimos para o exercício de 2021

A empresa vai propor aos seus acionistas um corte de 50% no dividendo de 2020 em comparação com o do ano anterior. Para o exercício de 2021, a Galp pretende pagar 50 cêntimos de dividendo, com um pagamento intercalar no terceiro trimestre deste ano “dependendo da performance” da empresa”.

Cristina Bernardo

Apesar de ter fechado o ano de 2020 com prejuízos, a Galp vai pagar o dividendo de 35 cêntimos aos seus acionistas em maio, depois de ter suspendido o pagamento do seu dividendo intercalar em 2020.

Em relação ao exercício de 2021, a Galp pretende pagar 50 cêntimos de dividendo, com um pagamento intercalar no terceiro trimestre “dependendo da performance” da empresa”.

Para o exercício de 2020, o conselho de administração irá assim propor um dividendo de 35 cêntimos por ação, menos 50% face ao dividendo do ano anterior, “refletindo os impactos resultantes das condições adversas de mercado”.

Em julho de 2020, a empresa decidiu que não iria pagar o dividendo intercalar, depois de ter registado prejuízos de 22 milhões de euros no primeiro semestre do ano passado, justificando a decisão com “fracas condições de mercado”.

“A proposta do dividendo integral relativo a 2020 será anunciada tendo em consideração os resultados anuais, cuja divulgação é esperada no primeiro trimestre de 2021”, disse então a empresa na altura.

No exercício anterior tinha pago quase 70 cêntimos de dividendo, num total de 580 milhões de euros pagos aos seus acionistas.

A Galp registou um resultado líquido ajustado (RCA) de 42 milhões de euros de prejuízo em 2020 face a período homólogo. Em termos de resultado líquido IFRS, a companhia registou prejuízos de 551 milhões de euros, com eventos não recorrentes de 171 milhões de euros negativos e um efeito de stock material de 338 milhões negativos.

Galp fecha ano de 2020 com prejuízos

Recomendadas

Livro revela que Elon Musk tentou ser CEO da Apple, mas dono da Tesla desmente rumor

“Não quero ser CEO de nada”, escreveu o Elon Musk na rede social Twitter na passada sexta-feira.

Testes de ‘stress’ do BCE analisaram Novo Banco entre os 51 médios e pequenos bancos abrangidos

De acordo com os dados publicados pela instituição, o banco liderado por António Ramalho poderia, num cenário adverso, perder entre 600 e 899 pontos base e atingir um CET1 ‘fully loaded’, ou seja, tendo em conta futuras exigências de capital, abaixo de 8%.

Discotecas podem reabrir no domingo com regras da restauração, afirma associação

“Um estabelecimento que é considerado como discoteca tendo o CAE de bar, à imagem daquilo que os bares podem fazer, neste momento, que é estar abertos até às duas da manhã, com regras da restauração, sendo que estas regras da restauração não é obrigatoriedade de servir comida, mas sim têm a ver com distanciamento entre mesas, o número limitado de pessoas por mesa ou a exigência de certificado digital à porta durante o período de fim de semana, portanto estas regras da restauração aplicadas aos bares permitem também a discotecas com CAE de bar que o façam”, declarou o presidente da ADN.
Comentários