Governo garante complemento de estabilização a trabalhadores que estiveram em layoff

O esclarecimento do Governo foi efetuado face às dúvidas suscitadas quanto ao recebimento do complemento de estabilização por parte destes trabalhadores, procedendo à clarificação do regime previsto no 3º do DL n.º27-B/2020, de 19 de junho.

O Governo esclareceu esta quinta-feira que trabalhadores que estiveram em layoff durante mais de 30 dias consecutivos nos meses de abril, maio e junho, mas sem completar um mês civil, têm direito a receber o complemento de estabilização.

O esclarecimento do Governo foi efetuado face às dúvidas suscitadas quanto ao recebimento do complemento de estabilização por parte destes trabalhadores, procedendo à clarificação do regime previsto no 3º do DL n.º27-B/2020, de 19 de junho.

“De salientar que o complemento de estabilização é uma medida extraordinária criada pelo Governo, com o objetivo de mitigar a perda de rendimento dos trabalhadores que estiveram pelo menos 30 dias em layoff. Aplica-se aos trabalhadores com um salário base até 1270€ (2 RMMG), que tiveram perda de rendimento, e o seu valor corresponde à diferença entre o salário base de cada trabalhador e o valor que recebeu durante 30 dias consecutivos em layoff, com um mínimo de 100€ e um máximo de 351€”, especifica o Executivo.

Até à presente data, este complemento já chegou a cerca de 300 mil trabalhadores e teve um impacto financeiro de aproximadamente 48 milhões de euros.

Recomendadas

Valor médio das rendas fixa-se nos 5,41 euros por metro quadrado

Esta valor representa uma descida de 9,8% pontos percentuais (p.p) nos novos contratos de arrendamento. No segundo trimestre de 2020, houve uma redução do valor médio das rendas face ao período homólogo em 12 dos 24 municípios com mais de 100 mil habitantes.

Preços do gás natural descem 2,2% a partir de outubro no mercado regulado

Esta redução implica menos 21 cêntimos por mês para um casal que paga em média 11,95 euros, e 47 cêntimos mensais para um casal com dois filhos com uma fatura média mensal de 22,61 euros. O mercado regulado conta com 254 mil consumidores.
TAP Portugal

TAP oferece viagens a crianças que voem com a família nos voos europeus

Oferta é válida a partir desta quinta-feira, com a companhia aérea a oferecer uma viagem gratuita por cada bilhete de adulto comprado as crianças até aos 11 anos.
Comentários