Governo prepara injeção final de 1,4 mil milhões no Novo Banco

Desde a venda da instituição ao fundo norte-americano Lone Star em 2017 que o Estado já injetou um total de 1,9 mil milhões de euros no banco.

O Governo está a preparar uma injeção final de 1,4 mil milhões de euros no Novo Banco, avança o jornal Público esta sexta-feira. A injeção será realizada pelo Fundo de Resolução, que já está a estudar este cenário em conjunto com o acionista do banco.

A solução a ser estudada envolve a injeção este ano, de uma só vez, de mais 1,4 mil milhões de euros. Este valor fica acima dos 600 milhões de euros contabilizados no Orçamento do Estado para 2020, e dos 850 milhões autorizados no mesmo documento.

Desde a venda da instituição à Lone Star em 2017 que o Estado já injetou um total de 1,9 mil milhões de euros no banco. Com esta injeção final, a recapitalização pública do banco ficaria fechada abaixo do valor máximo definido na venda e antes do prazo do mecanismo de capital contigente que pode durar mais seis anos: 3,89 mil milhões de euros.

 

Recomendadas

Isabel dos Santos deve mais de 500 milhões de euros à banca

O regulador bancário já terá pedido a todas as instituições uma atualização sobre os financiamentos, assim como aos auditores externos para verificarem a adequação dos níveis de imparidades, noticia o “Expresso”. “Correio da Manhã” revela que CGD e BCP concentram os valores mais elevados dos empréstimos.

‘Rebranding’ ao fim de 293 anos. Royal Bank of Scotland muda de nome

Alison Rose afirmou que este é o momento certo para fazer uma mudança e alterar o nome do RBS, que já data 293 anos. No entanto, as agências bancárias, como o Ulster Bank, na Irlanda do Norte, do RBS vão manter o nome.
Revolut

Revolut passa a estar disponível na aplicação Dabox

Os utilizadores – independentemente de serem ou não clientes da Caixa Geral de Depósitos – conseguem agora agregar a sua conta na fintech britânica à ‘app’ da CGD.
Comentários