Grupo dono dos Hotéis Tivoli lança OPA sobre a espanhola NH

Segundo diversos jornais espanhóis especializados em assuntos económicos, o anúncio foi hoje formalizado pela Minor Hotels à CNMV, entidade espanhola que regula o mercado de capitais no país vizinho.

O grupo tailandês Minor Hotels Group, dono da cadeia de hotéis Tivoli em Portugal, vai lançar uma OPA – Oferta Pública de Aquisição sobre a totalidade do grupo espanhol NH Hoteles.

Segundo diversos jornais espanhóis especializados em assuntos económicos, o anúncio foi esta segunda-feira, 11 de junho, formalizado pela Minor Hotels à CNMV, entidade espanhola que regula o mercado de capitais no país vizinho.

O preço proposto pela Minor é de 6,40 euros por cada ação da NH, o que pressupõe um prémio de 0,79% face à cotação de fecho dos títulos da NH na sessão de bolsa precedente à concretização da primeira compra de ações da NH por parte do grupo tailandês, a 22 de maio passado.

Nessa ocasião, a Minor Hotels, comprou 3,6% da NH ao fundo de investimento Oceanwood por um valor avaliado em cerca de 90 milhões de euros.

No entanto, diversos órgão de comunicação social espanhóis avançam que, nesta altura, a Minor já detém 10,2% da NH Hoteles, além do acordo estabelecido com o grupo chinês HNA, um acionista indireto da TAP, para adquirir uma posição suplementar que varia entre 25,2% e 26,5% do grupo hoteleiro espanhol, de acordo com as diversas versões da imprensa espanhola.

Segundo as informações hoje veiculadas, essa operação deverá decorrer em duas fases, esperando os responsáveis da Minor Hotels que esta transação esteja concluída em meados de setembro.

A OPA propriamente dita deverá durar entre três e cinco meses a partir de agora.

Com as posições já garantidas através da compra das participações do fundo Oceanwood e do HNA, a Minor Hotels deverá ter a OPA assegurada, uma vez que estabeleceu como patamar de sucesso atingir entre 51% e 55% do capital da NH Hoteles.

A NH gere neste momento cerca de 370 hotéis e apresentou no final da sessão bolsista de hoje uma capitalização bolsista de cerca de 2.200 milhões de euros.

Com esta aquisição, o Minor Hotels Group passará a gerir mais de 540 hotéis na Ásia, Oceânia, Médio Oriente, África, Europa e América Latina.

O Minor Hotels entrou em Portugal em fevereiro de 2016 com a aquisição da cadeia Tivoli Hotels & Resorts, antes detida pelo GES – Grupo Espírito Santo,  por um montante anunciado de 294,2 milhões de euros.

A NH Hoteles detém em Portugal três unidades hoteleiras, duas em Lisboa – NH Campo Grande, com 88 quartos – e NH Collection Lisboa Liberdade, com 83 quartos e suites – e uma no Porto – NH Collection Porto Batalha, com 107 quartos e suites – num total de cerca de 280 quartos e suites.

 

 

 

 

 

 

Ler mais
Recomendadas

Sonaecom contesta arresto judicial de ações da NOS detidas em conjunto com as empresas de Isabel dos Santos

Decisão do juiz Carlos Alexandre limita direitos de voto e distribuição de dividendos da Zopt, “holding” detida em partes iguais pela Sonaecom e por empresas controladas pela filha do antigo presidente de Angola.

Tecnológica BOLD faz parceria com Ministério da Economia

Empresa de Bruno Mota vai com a Google Cloud ajudar duas comunidades tecnológicas apoiadas pelo Governo.

BPI antecipa três dias o pagamento de pensões de reforma

O objetivo é contribuir para proteger a população com idade superior a 65 anos, permitindo o levantamento faseado e evitando a aglomeração de pessoas no dia 9 de abril, em que os balcões dos Bancos funcionam apenas até às 13h00. O banco diz que não vai cobrar taxas de antecipação do pagamento.
Comentários