Gulbenkian e Nova SBE vão lançar primeiro mestrado em Empreendedorismo e Impacto

O curso arranca no próximo ano letivo. A parceria entre a fundação e a faculdade prevê ainda o lançamento de um programa de três dias para formação de executivos destinado a líderes empresariais.

A Fundação Calouste Gulbenkian e a Nova School of Business & Economics (Nova SBE) anunciaram uma parceria para lançar o primeiro mestrado em Empreendedorismo e Impacto em Portugal.

O acordo entre a fundação e a faculdade prevê ainda o lançamento de um programa de formação de executivos destinado a líderes empresariais com a duração de três dias ainda neste ano letivo. O curso surgiu no âmbito da nova cátedra Gulbenkian da Nova SBE sobe economia de impacto (Gulbenkian Chair of Impact Economy).

Os mestrandos poder-se-ão especializar em empreendedorismo, em empreendedorismo social ou em intra-preendedorismo. A nova ofertas educacional terá início no próximo ano letivo (2019–2020).

“Com esta parceria específica, procuramos não só dar mais força à capacidade de investigação sobre estes novos temas em Portugal, mas também – e principalmente – influenciar os atuais e futuros líderes no sentido de incluírem fatores de impacto social nos seus processos de decisão”, afirma Isabel Mota, presidente da Fundação Calouste Gulbenkian.

“Com este apoio da Fundação Gulbenkian, que muito nos orgulha, a Nova SBE consubstancia, de uma maneira integrada, a aposta que tem vindo a fazer na atracão e desenvolvimento de talento nacional e internacional nas áreas de empreendedorismo e empreendedorismo social.Com estes novos programas estaremos a desenvolver as skills dos profissionais do futuro”, completa Daniel Traça, dean da Nova SBE.

Recomendadas

Startup Wegho vai contratar em Lisboa e no Porto

A startup, lançada apenas há um ano, conta com 20 colaboradores na rede de serviços e para cima de 3000 utilizadores registados.

Nors abre concurso internacional para startups com 10 mil euros de prémio

As inscrições para o concurso internacional de startups, promovido pelo grupo Nors Digital Disruptos, já está aberto. As candidaturas devem ser enviadas até ao dia 3 de oububro. A startup vencedora ganhará um prémio de 10 mil euros e ainda um ano de incubação.

TecMinho abre candidaturas para Laboratório de Ideias de Negócio

O programa de aceleração de ideias de negócio destina-se a todos os alunos, diplomados, docentes e investigadores do ensino superior. O período de candidaturas termina a 20 de outubro.
Comentários