Há uma nova plataforma digital para fazer ‘match’ entre empresas e talentos tecnológico

Entre os vários perfis que podem ser pesquisados encontram-se analistas de dados, cientistas de dados, administradores de sistemas ou desenvolvimento de software, analistas de qualidade e segurança, administradores de redes ou especialistas em cibersegurança ou marketing digital.

“TalentSpot” é o nome da nova plataforma digital de recrutamento para as empresas encontrarem pessoas da área tecnológica para contratarem. Desenvolvido pela consultora de recursos humanos norte-americana ManpowerGroup, este marketplace de empregadores, recrutadores e talentos recorre à inteligência artificial para que se possa encontrar os candidatos pretendidos em apenas dez dias.

A tecnologia por trás permite associar os melhores recrutadores a cada tipo de perfil, potenciando a taxa de êxito de cada processo, e permite gerir os processos de recrutamento de com um único interlocutor e interface, acelerando o ritmo de integração do talento tecnológico – dos mais procurados no mercado – na organização.

O grupo Manpower destaca que o objetivo é combater a falta de colaboradores com estas valências e alerta para o facto de as empresas se depararem com valores máximos de escassez de profissionais qualificados por causa da aceleração da transformação tecnológica impulsionada pela pandemia, entre outras razões.

“A escassez de talento é uma realidade transversal a diversos sectores, contudo a aceleração da digitalização e a elevada competitividade tornou ainda mais desafiante a contratação de perfis especializados. O TalentSpot by ManpowerGroup procura responder a esta situação, permitindo alcançar o perfil desejado através de canais alternativos aos processos de recrutamento tradicionais”, explica Vitor Antunes, managing director da Manpower Portugal e responsável pelo desenvolvimento desta nova área de negócio.

O que faz a TalentSpot? Depois de a empresa descrever o perfil que procura e as características do cargo que quer preencher, a plataforma identifica os três melhores recrutadores para atrair aquele tipo de profissional, através de algoritmos, atribuindo-lhes a tarefa de executarem esses processos de recrutamento. Assim que aceitar o desafio, o recrutador fará a comunicação com o cliente por via da mesma plataforma, desde a fase de entrevistas até à proposta ao candidato.

Entre os vários perfis que podem ser pesquisados encontram-se analistas de dados, cientistas de dados, administradores de sistemas ou desenvolvimento de software, analistas de qualidade e segurança, administradores de redes ou especialistas em cibersegurança ou marketing digital.

“Garantimos que os recrutadores nomeados para cada processo não só selecionaram os CVs mais ajustados, como também entrevistaram pessoalmente todos os candidatos antes de os proporem, para os ficarem a conhecer melhor, conhecer as suas competências e capacidades, e certificar-se de que são uma boa combinação para o que precisa”, garante a empresa, no website oficial.

Recomendadas

Projeto Sitestar promove literacia digital dos mais novos

Esta iniciativa promove, através da criação dos sites, aprendizagens relacionadas com o planeamento de projetos, o desenvolvimento do espírito de trabalho em equipa, a criação de conteúdos escritos e audiovisuais, o respeito pelos direitos de autor, incentiva e auxilia na invenção e implementação das ideias dos alunos, a adotarem um sentido critico que lhes permita navegar em segurança e com mais confiança na internet.

Neste natal, saiba o que fazer caso a sua compra online fique interdita na alfândega

A carta ao Pai Natal pode exigir que faça encomendas de artigos vindos de um país extracomunitário. Cumprir este desejo pode ser numa prova de esforço que implica conhecer a legislação, enfrentar burocracias e custos, e ainda lidar com a encomenda ficar retida na alfândega.

Não deixe as suas compras natalícias para a véspera

Quem compra por impulso arrepende-se mais, tentando depois a troca. Trocar um bem comprado numa loja física que está em perfeitas condições é uma cortesia do comerciante. A troca só é obrigatória se houver defeito. Não se esqueça de escolher cuidadosamente, de recolher toda a informação sobre o produto, de o experimentar, se for possível, e combinar a possibilidade de troca. Evitará conflitos.
Comentários