Haitong na corrida ao Novo Banco Espanha

O Novo Banco em Espanha está à beira de uma fase decisiva no processo de venda. O Haitong está na corrida. O Abanca também estará entre os interessados.

O Haitong Bank é um dos candidatos à compra da operação em Espanha do Novo Banco, sabe o Jornal Económico (JE).

A notícia foi avançada pelo jornal espanhol “El Confidencial” e o JE confirmou junto de fonte próxima ao processo.  Contactada, fonte oficial do Haitong Bank não comenta.

O jornal espanhol El Confidencial avança hoje com a notícia que o Haitong e o Abanca estão na corrida ao Novo Banco Espanha, referindo ainda que a venda do Novo Banco em Espanha pode ficar fechada esta semana ou no início da próxima, mas essa notícia não é confirmada.

O Jornal Económico avançou na semana passada que o Novo Banco esperava propostas não vinculativas até ao fim do mês.

Tal como foi noticiado pela edição de sexta-feira, o Deutsche Bank e a consultora Alvarez & Marsal foram contratados para vender a operação do Novo Banco em Espanha. O banco liderado por António Ramalho aguardava sete propostas para os vários perímetros de ativos.

O jornal “El Confidencial” diz que corrida à instituição financeira está o Abanca e o Haitong.

Fonte oficial do Abanca não comenta.

O periódico espanhol diz que o Haitong (que comprou ao Novo Banco o ex-BESI) oferece a melhor proposta mas que tem o handicap de ser chinês.

(Em atualização)

Ler mais
Recomendadas

Banco Montepio passa de lucros a prejuízos de 15,9 milhões de euros no primeiro trimestre

De acordo com um comunicado enviado pelo banco à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a instituição que pertence à Associação Mutualista Montepio refere que para o resultado foi “determinante (…) a obtenção de menores ganhos com transações de títulos relevados na rubrica de Resultados de operações financeiras”.

“Maquiavel para Principiantes”. “Luís Filipe Vieira parece que funcionava como testa de ferro de Ricardo Salgado”

“Amnésia rima com impunidade. Sabem que são os portugueses que pagam os seus calotes e vai continuar o gozo. Luís Filipe Vieira parece que funcionava como testa de ferro de Ricardo Salgado”, destacou Rui Calafate no podcast do JE.

Sindicato dos Quadros cancela manifestação para iniciar diálogo com Santander

“Na sequência dos contactos mantidos nas últimas horas, que perspetivam o relançamento do diálogo com o Banco Santander, o Sindicato Nacional dos Quadros e Técnicos Bancários (SNQTB) decidiu cancelar a manifestação agendada para hoje em Faro”, diz o sindicato liderado por Paulo Gonçalves Marcos.
Comentários