HipoGes aumenta volume de ativos sob gestão em pandemia e ultrapassa os 21 mil milhões

A assinatura de várias carteiras de dívida foi o que mais contribuiu para o aumento do volume de ativos sob gestão que ultrapassa já os 21 mil milhões de euros, diz a HipoGes que tem António Nogueira Leite na sua administração. A HipoGes tem uma equipa de mais de 800 pessoas sediadas em 3 países (Portugal, Espanha e Grécia).

A HipoGes, servicer de referência no setor de Asset Management, ganhou “a gestão de novos ativos de diferentes tipologias e somar novos clientes, mesmo em contexto de pandemia”, segundo um comunicado enviado às redações.

A assinatura de várias carteiras de dívida foi o que mais contribuiu para o aumento do volume de ativos sob gestão que ultrapassa já os 21 mil milhões de euros, diz a HipoGes que garante que isso assegura uma posição de liderança em Portugal e Espanha.

“Além disso, a HipoGes expande a gestão de REOs [Real Estate Owned] dispersos a novos clientes, um feito que, segundo o Associate Director Real Estate Jose Aycart, permite reafirmar a liderança no setor de gestão de carteiras e fundos de investimento”.

A servicer de referência no setor de Asset Management, garante que continua ativa no mercado de  distressed assets – “um mercado que também foi afetado pela pandemia e que voltou a mexer no último trimestre – e onde esperam ganhar a gestão de duas carteiras mais próximo do final do ano”, refere a empresa em comunicado.

Em Portugal, a HipoGes abriu uma nova linha de negócio de gestão de imóveis residenciais para arrendamento e fecha a transação Nata, uma carteira adquirida por KKR avaliada em mais de 300 milhões de euros. Em Espanha, o grupo destaca a incorporação de carteiras de dívida hipotecária residencial e de dívida a PMEs, além da gestão de uma carteira para um importante banco nacional, como pontos altos de 2020.

Além disso, a HipoGes expande a gestão de REOs dispersos a novos clientes, um feito que, segundo o Associate Director Real Estate Jose Aycart, permite “reafirmar a liderança no setor de gestão de carteiras e fundos de investimento”.

António Nogueira é um dos membros do Conselho de Administração da HipoGes.

“Num ano que se revelou bastante positivo para a HipoGes em Portugal, é de destacar a abertura de uma nova linha de negócio com a gestão de 170 milhões de euros de imóveis residenciais para arrendamento. Trata-se de uma carteira cedida à HipoGes para gestão por parte de um fundo norte-americano que adquiriu umas das principais seguradoras no país”, lê-se na nota.

“Ainda em 2020, conclui-se a transação Nata, uma carteira adquirida por KKR e titularizada por Ares Luistani STC, avaliada em mais de 300 milhões de euros, num perímetro total de 1.300 milhões de euros”, acrescenta a servicer.

Já em Espanha, a HipoGes incorpora uma carteira de dívida hipotecária residencial com um volume que permitirá alcançar os 750 milhões de euros, sendo que no último trimestre do ano adicionou à sua atividade uma carteira de dívida a PMEs na ordem dos 250 milhões de euros.

As duas carteiras contam com ativos imobiliários de diferentes tipologias distribuídos por todo o território nacional.

“A HipoGes conseguiu consolidar também a sua posição como servicer para entidades financeiras, graças à gestão de uma carteira para um importante banco nacional. O projeto engloba a gestão de dívida (com ou sem garantia) a PMEs no valor de quase 150 milhões de euros”, adianta.

“Estrategicamente, o grupo abriu também este ano um escritório de menor dimensão em Múrcia para a gestão de um conjunto de ativos localizados na comunidade”, o que é “um marco que representa para a HipoGes a possibilidade de gerir um conjunto de ativos com tipologias próprias da atividade da região. Hotéis, campos de golf, espaços comerciais, para arrendar, andares e residenciais”, avança Luis Isaac Ramírez, Associate Director Real Estate.

Fundada em 2008, a HipoGes é atualmente uma plataforma do setor de Asset Management, com mais de 21 mil milhões em ativos sob gestão. Entre os ativos estão incluídos, por exemplo, hipotecas residenciais e adjudicadas, créditos de fomento à construção, créditos ao consumo sem garantia e créditos a PMEs.

A HipoGes oferece também a consultoria no processo de avaliação e compra de carteiras, na elaboração de processos e implementação de ferramentas de gestão, “bem como soluções de gestão para diferentes tipos de ativos e investimentos”.

A HipoGes assegura a gestão de todas estas atividades graças a uma equipa de mais de 800 pessoas sediadas em 3 países (Portugal, Espanha e Grécia) e uma plataforma tecnológica, da sua autoria, que permite estabelecer a estratégia de trabalho ideal para cada tipo de ativo.

Ler mais
Recomendadas

PremiumMão de obra migrante é chave no agroalimentar

Trabalhadores estrangeiros são cruciais para o sector e são necessárias políticas de integração mais eficazes, defendem especialistas.

Portuguesa PHC já tem nova sede. Custou 12 milhões e pretende “revolucionar” o mundo do trabalho

O projeto da nova sede da PHC foi da DST, a linha arquitetónica foi definida pela Openbook, sendo que o financiamento ficou a cargo do BPI. A PHC Software é uma multinacional portuguesa com escritórios em Oeiras, Porto, além de estar em Espanha, Angola, Moçambique e Peru.

Linha “Facilidade Exportação Segura 2021” alargou o leque de mercados

A renovação da linha de apoio aos seguros de crédito permite alargar o leque dos mercados passíveis de Seguro de Crédito. No entanto, os operadores precisam de ampliar a medida ao mercado interno.
Comentários