IVAucher: Prazo para validar faturas para contribuintes com rendimentos de categoria B termina na sexta-feira

Na primeira fase do programa IVAucher, os consumidores acumularam 82 milhões de euros nos consumos realizados nos sectores do alojamento, cultura e restauração. Este valor pode ser usado a partir de 1 de outubro pelos consumidores nos estabelecimentos aderentes.

Os contribuintes com rendimentos de categoria B de IRS, com atividade aberta, devem validar as suas faturas até amanhã, 24 de setembro, inclusive.

“No caso dos sujeitos passivos com atividade aberta, as faturas relativas aos consumos feitos entre 1 de junho e 31 de agosto em serviços de alojamento, cultura e restauração apenas serão elegíveis para o saldo do IVAucher após a classificação da natureza dos consumos como não afetos à atividade profissional”, segundo o ministério das Finanças.

Como fazer? A classificação de faturas pode ser feita no Portal da Finanças ou na App Efatura na secção “Resolver Pendências”, como se faz habitualmente para o IRS.

Na primeira fase do programa IVAucher, os consumidores acumularam 82 milhões de euros nos consumos realizados nos sectores do alojamento, cultura e restauração.

“Este valor representa um aumento significativo do consumo nos três setores abrangidos pelo IVAucher face ao mesmo período de 2020, tendo mesmo superado o valor do período homólogo de 2019, pré-pandemia”, segundo a tutela de João Leão.

Estes 82 milhões de euros podem ser agora usados pelos contribuintes a partir de 1 de outubro, nos estabelecimentos aderentes, nos sectores do alojamento, cultura e  restauração.

Recomendadas

Consumo de combustíveis volta recuperar em setembro e cresce 10,46%, segundo a ENSE

O consumo de combustíveis aumentou 10,46% em setembro, num “contexto de progressiva normalização” do país e da economia, adiantou hoje, segunda-feira, a Entidade Nacional para o Setor Energético (ENSE), em comunicado.

Empresas vão receber mais de 12 mil milhões de euros do PRR e do Portugal 2030

As verbas acumuladas dos dois programas perfazem um acréscimo de 75% face ao que as empresas receberam no Portugal 2020, realçou ainda Nelson de Souza, esclarecendo que, nos próximos quadros de financiamento, vai “haver muito mais incentivos às empresas para a área das alterações climáticas”.

OE2022. Prazo para comunicação de faturas passa para dia 5 do mês seguinte ao da emissão

O prazo para as empresas remeterem à Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) as faturas vai passar do dia 12 para o dia 5 do mês seguinte ao da emissão, segundo a proposta do Orçamento do Estado para 2022 (OE2022).
Comentários