Jogador do FC Barcelona interessado em comprar direitos televisivos da liga italiana

A Série A iniciou o processo de venda dos direitos televisivos para as temporadas 2021/22, 2022/23 e 2023/24, com a intenção de ultrapassar os mil milhões em receita por temporada. O organismo também está a planear criar o seu próprio canal de televisão, o canal “Lega”.

Gerard Piqué, jogador do FC Barcelona e internacional pela seleção espanhola, é uma das partes interessadas em adquirir os direitos televisivos da primeira liga italiana (Série A), através da sua empresa Kosmos Global Holding, avança o portal “Palco 23”.

A Série A iniciou o processo de venda dos direitos televisivos para as temporadas 2021/22, 2022/23 e 2023/24, com a intenção de ultrapassar os mil milhões em receita por temporada. O organismo também está a planear criar o seu próprio canal de televisão, o canal “Lega”.

A Kosmos Global Holding é um grupo criado em Barcelona em 2017 com o apoio de Hiroshi Mikitani, presidente e CEO da Rakuten (principal patrocinador do FC Barcelona), que está a construir um portefólio global de empresas ligadas ao desporto, media e entretenimento, sendo responsável pela nova Copa Davis, o produtor de conteúdo Kosmos Studios e como acionista maioritário do FC Andorra.

Além de Piqué, a plataforma over-the-top (OTT) da “Dazn”, a empresa de marketing desportivo Infront, a agência Img, o fundo Aser (de propriedade de Andrea Radrizzani, dona do Leeds), a produtora Mediapro e a Disney através do canal “Espn”, são candidatos a assumir os direitos televisivos internacionais da Serie A.

Enquanto se aguarda o conhecimento das propostas relativamente aos direitos televisivos nacionais, já foram apresentadas 49 propostas respeitantes aos direitos televisivos internacionais, correspondentes a 35 rádios e 14 agências intermediárias de direitos, interessadas nas licenças para transmitir a liga italiana para além das fronteiras do país, conforme relatado pelo jornal italiano “Gazzetta dello Sport”.

Recomendadas

Liga estima quebra de 276 milhões de euros nas receitas do futebol profissional

“A nossa expectativa é que teremos um impacto de 276 milhões de euros na área das receitas”, disse a diretora executiva da LFPF, Susana Rodas, no âmbito de um ‘webinar’ integrado no programa da realização da ‘final four’ da Taça da Liga em Leiria.

Que desafios coloca a pandemia aos clubes de Lisboa? Veja o “Jogo Económico”

Nesta edição, vamos perceber como a Covid-19 está a afetar os 264 clubes e os cerca de 10 mil atletas inscritos na Associação de Futebol de Lisboa, com a ajuda do presidente, Nuno Lobo. A centralização dos direitos televisivos em Portugal também será um dos temas em debate neste programa.

De Messi a Aguero. Conheça os 10 jogadores mais valiosos que terminam contrato no final da temporada

Com o fim do contrato iminente, estes são os jogadores mais valiosos que podem assinar livres por qualquer equipa.
Comentários