Jorge Costa antecipa “aprovação à vista” do relatório sobre as rendas excessivas da eletricidade

“Aprovação à vista do relatório de que sou autor na comissão de inquérito às rendas da eletricidade. Votações durante a tarde. Conhecemos as rendas excessivas e quem as criou. Sabemos como as eliminar. Agora é querer”, escreveu o deputado do Bloco de Esquerda no Facebook.

Ainda está a decorrer a discussão e votação do relatório final e das propostas de alteração apresentadas no âmbito da Comissão Parlamentar de Inquérito ao Pagamento de Rendas Excessivas aos Produtores de Eletricidade. No entanto, o redator do relatório, Jorge Costa, deputado do Bloco de Esquerda (BE), já antecipou a provável aprovação do documento.

“Aprovação à vista do relatório de que sou autor na comissão de inquérito às rendas da eletricidade. Votações durante a tarde. Conhecemos as rendas excessivas e quem as criou. Sabemos como as eliminar. Agora é querer”, escreveu o deputado bloquista no Facebook, pouco tempo antes do início da reunião.

Entretanto, já na reunião, a previsão de Jorge Costa parece estar a concretizar-se. As propostas de alteração apresentadas pelo PSD foram chumbadas, ao passo que as conclusões do relatório acabam de ser aprovadas. Todas as propostas estão a ser votadas uma a uma, além de recomendações e outras vertentes do documento (capítulo a capítulo). A reunião ainda deverá prolongar-se durante mais algumas horas.

Recomendadas

Inteligência Artificial: o futuro das nossas vidas está na ética dos algoritmos

Numa altura em que a Comissão Europeia lança um guia ético sobre o tema, o Jornal Económico falou com alguns dos maiores especialistas mundiais para saber que mecanismos de controlo existem para que as máquinas estejam ao serviço da humanidade.

Tem carro a gasóleo? Espere por segunda-feira para abastecer

A partir da próxima semana, o gasóleo ficará mais barato, e a gasolina segue o percurso inverso, aumentando o preço. Veja aqui onde estão os postos mais baratos.

Amazon: ações podem chegar aos três mil dólares nos próximos dois anos, estima Bloomberg

A avaliação de três mil dólares por título implica uma capitalização bolsista de 1,47 mil milhões de dólares (1,31 mil milhões de euros).
Comentários