KW Portugal tem novo Regional Director e vai acelerar abertura de ‘Market Centers’

Rui Coutinho tem experiência nas área do retalho e das relações externas e espera-se que impulsione a expansão prevista da empresa de formação e tecnologia especializada no ramo de mediação imobiliária.

Rui Coutinho assume o cargo de Regional Director da Keller Williams em Portugal, anunciou a empresa global de formação e tecnologia especializada no ramo de mediação imobiliária.

O gestor tem como principal foco a expansão da rede para 50 Market Centers, o que é considerado “essencial” para que a KW concretize o objetivo de “alcançar os 10.000 consultores até ao final de 2023, atingindo uma média de 200 consultores por ‘Market Center’.

“Pretendemos, a equipa da Keller Williams em Portugal, encontrar novas formas de chegar a mais localidades e a mais consultores. É fundamental, nos dias que correm e neste novo mundo em que vivemos, ter novas abordagens e novas formas de atuar, tendo como base os modelos e sistemas da KW. Este é o espírito que se vive na KW e que é o ponto de foco na expansão”, afirma o gestor em nota enviada à imprensa.

Formado em Gestão e Administração de Empresas pela Universidade Católica em Lisboa, Rui Coutinho acumula duas décadas de experiência profissional nas área do retalho e das relações externas, tendo desempenhado cargos de direção em empresas como Procter&Gamble Sonae, Iberia, Fóssil, Teixeira Duarte, Delta Cafés, Quinta de Jugais e Kuranti GMBH.

“A entrada do Rui Coutinho (…) vai permitir dar um novo fôlego na área da expansão da KW sem abrandarmos o crescimento dos Market Centers existentes”, afirma, Eduardo Garcia e Costa, presidente da Keller Williams, na mesma nota. Salienta também que se trata de uma “área fulcral para o crescimento da KW em Portugal” e que “não existe nenhuma circunstância externa que coloque em causa a visão” definida no início de 2019.

Recomendadas

Bayer compra empresa de biotecnologia americana por 3,3 mil milhões de euros

A empresa alemã vai pagar metade da verba, enquanto a outra metade será paga de acordo com os objetivos atingidos pela Asklepios BioPharmaceutical, que aposta em terapias genéticas e tratamentos contra a doença de Parkinson e problemas cardíacos.

Allianz compra 75% da Galp Gás Natural Distribuição por 368 milhões

A operação ficou fechada por 368milhões de euros. A Galp Gás Natural Distribuição detém nove empresas regionais de distribuição de gás natural em Portugal.

Estudo de impacto ambiental dá ‘luz verde’ ao projeto de modernização do terminal de contentores de Alcântara

Em entrevista ao Jornal Económico, Diogo Marecos, administrador da Liscont, concessionária do terminal detida pelo grupo turco Yilport, garante que a empresa está pronta para avançar com este projeto no primeiro trimestre de 2021, cujo investimento, de 120 milhões de euros, será da sua exclusiva responsabilidade.
Comentários