Laboratório para as Tecnologias da Indústria 4.0 inaugurado no Porto

A missão do iilab é demonstrar e divulgar conceitos e tecnologias avançadas para a digitalização da produção.

Chama-se iilab (Industry and Innovation Lab) o novo laboratório dedicado às Tecnologias Avançadas de Produção, em particular da Indústria 4.0, que foi inaugurado no passado dia 28 de maio, na cidade do Porto.

O novo laboratório do Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores, Tecnologia e Ciência (INESC TEC) f0i apresentado no âmbito da iniciativa Demonstrador Tecnológico “Tecnologias de Produção e Sistemas Ciber-físicos”, promovida pela Agência Nacional de Inovação (ANI).

O iilab foi inaugurado pelo secretário de Estado de Economia, João Correia Neves, o presidente do Conselho de Administração (CA) da Agência Nacional de Inovação (ANI), Eduardo Maldonado, e o presidente do CA do INESC TEC, José Manuel Mendonça.

A missão do iilab é “demonstrar e divulgar conceitos e tecnologias avançadas para a digitalização da produção incluindo robótica, automação, simulação, realidade virtual e aumentada, sistemas de apoio à decisão e sistemas ciber-físicos”.

O laboratório já está equipado com 12 robôs com aplicações em diferentes sectores industriais. Alguns exemplos são a indústria automóvel e aeroespacial, representada pelo ColRobot que ajuda o operador humano nos processos de montagem inerentes a estes sectores, a indústria alimentar, que conta com o Triho para auxiliar na distribuição de refeições hospitalares ou outras cargas pesadas e com um transporte ineficiente ou prejudicial para a saúde. Outros exemplos de aplicações transversais à indústria vão estar presentes no laboratório.

“Queremos que o nosso laboratório seja um espaço aberto para potenciar a colaboração entre comunidade industrial e académica. O nosso objectivo é, recorrendo às soluções tecnológicas de que dispomos e ao nosso know-how científico, ter um papel preponderante na competitividade da economia nacional”, explicou Luís Carneiro, administrador executivo do INESC TEC.

PCGuia
Ler mais
Recomendadas

Vai à Web Summit? Pode deixar moedas e notas em casa

A SIBS e a empresa-mãe da Web Summit renovaram a parceria pelo terceiro ano consecutivo.

António Mexia alerta empreendedores: “Vai mudar tudo. Haverá mais dados, mais descentralização, maior complexidade”

O presidente da EDP encontrou-se com as nove startups com as quais a elétrica está a desenvolver projetos-piloto. Lembrou os tempos em que era o único “não-guru” na sala, garantiu que as ‘utilities’ estão mais capazes de resistir a uma crise e aconselhou os jovens empresários a mostrar “total abertura e transparência” com os seus parceiros.

Caderno ecológico Infinitebook lança aplicação para guardar apontamentos

O bloco de apontamentos “infinito” criado pelo português Pedro Lopes voou para a ‘cloud’. Em breve vai ser estar disponível o reconhecimento automático das folhas e palavras presentes nos documentos fotografados, para facilitar a pesquisa de conteúdos.
Comentários