Linha SNS24 continuará a ser gratuita depois da pandemia

O número de apoio ao cidadão permanece gratuito apesar da legislação em vigor obrigar a que o número seja alterado do “prefixo 808 por um número especial, assegurando a sua total gratuitidade para os utentes”, indica o artigo 9.º da Lei n.º º 7/2020, de 10 de abril.

A linha SNS24 vai continuar a ser gratuita para o cidadão após a pandemia de Covid-19. A informação é avançada este domingo, 9 de maio, pelo “Jornal de Notícias”, que dá conta que o Ministério da Saúde ainda não alterou contudo, o número de apoio tal como está previsto na legislação em vigor.

De acordo com o artigo 9.º da Lei n.º º 7/2020, de 10 de abril, “o Ministério da Saúde deve, no prazo máximo de 60 dias, a contar da data de entrada em vigor da presente lei, substituir o número do SNS24 de prefixo 808 por um número especial, assegurando a sua total gratuitidade para os utentes”.

Durante a pandemia, o SNS24 emitiu quase 87 mil requisições para a realização de testes e cerca de 950 mil declarações provisórias de isolamento profilático, tendo atendido 1,6 milhões de chamadas só nos primeiros três meses de 2021, mais do dobro do que o registado no período homólogo do ano passado.

Recomendadas

Euro2020: Selecionador sem dúvidas de que Portugal estará nos ‘oitavos’ e admite mudanças

“A minha convicção é que Portugal pode ir à final [em Londres] e vencer. É o meu desejo, mas, para isso, temos de ser fortes, capazes e passar os adversários. Mais importante, acredito que vamos conseguir e não tenho dúvida nenhuma, é garantir o apuramento [para os oitavos]. Depois, a seguir, é jogo a jogo. Acredito que tudo pode acontecer”, disse o selecionador luso, durante a conversa com jornalistas.

Euro2020: País de Gales perde com Itália mas está apurado, Suíça aguarda

Em Roma, a seleção italiana, que já tinha o apuramento garantido, venceu o País de Gales e assegurou o primeiro lugar do grupo.

Euro2020: País de Gales quer repetir feito de 2016. Saiba quem são os 10 mais valiosos

Com uma convocatória avaliada em 176 milhões de euros, praticamente todos os dez jogadores mais valiosos do País de Gales atuaram na temporada passada na Premier League, o que faz antever a qualidade do plantel.
Comentários