PremiumMontepio vai lançar banco BEM para reforçar aposta nas PME

Carlos Tavares já tem nome e projeto para o banco de investimento da Caixa Económica. O Montepio Investimento vai passar a BEM – Banco de Empresas Montepio e será estruturado em três áreas.

A Caixa Económica e futuro Banco Montepio vai ter um banco de investimento que se chamará BEM – Banco de Empresas Montepio. Trata-se de um banco de investimento específico para pequenas e médias empresas, com volume de negócios entre 20 e 50 milhões de euros. Carlos Tavares pretende criar um banco que pretende ajudar as empresas a chegar onde chegam as grandes e vai reconverter o actual Montepio Investimento nesse Banco de Empresas Montepio.

“Está a nascer um projeto original na banca de empresas, em Portugal”, diz fonte do banco, que adianta tratar-se de uma “instituição portuguesa” que se chama Banco BEM – Banco de Empresas Montepio, que chega no primeiro trimestre de 2019.

O Montepio pretende ajudar as empresas portuguesas, sobretudo as PME, “que vão poder ter acesso a uma oferta completa, integrada e estruturada que vai muito além do crédito”, diz a mesma fonte. “A banca está muito focada no lado financeiro, mas o Banco BEM vai ter um outro complemento, o lado económico”, garante fonte da instituição liderada por Carlos Tavares. O BEM vai estar estruturado em três áreas.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor.

Recomendadas

Bankia negoceia venda de ativos imobiliários e malparado ao Lone Star

O comunicado à CNMV surge depois de o diário espanhol El Confidencial ter noticiado hoje que o Bankia estava a negociar a venda de uma carteira de ativos e de créditos avaliados em 3.000 milhões de euros ao fundo norte-americano Lone Star.

Sabadell vende 80% de empresa imobiliária a fundo sueco por 300 milhões de euros

O banco espanhol consegue uma injeção de capital de 138 milhões de euros com este negócio. A Solvia está ligada ao setor do imobiliário, sendo agora detida quase na totalidade pela Lindorff, um grupo que pertence ao fundo sueco Intrum AB.

Sabe o que é o Mapa de Responsabilidade de Crédito?

O Mapa de Responsabilidades de Crédito (MRC) é um documento disponibilizado pelo Banco de Portugal. É neste documento que se registam os créditos existentes em nome de cada pessoa singular (ou coletiva) nas instituições financeiras que operam em Portugal (atualmente com referência a partir de 2013). Portanto, é no MRC.
Comentários