Multinacional Invillia quer contratar 600 pessoas até ao fim do ano

A empresa brasileira, que tem escritório em Lisboa, conta com 800 colaboradores e quer fechar 2021 com 1500. Para o efeito, tem a correr uma campanha que visa atrair profissionais de TI “talentosos, incompreendidos no emprego atual e apaixonados por inovação”.

A multinacional brasileira com escritório em Lisboa quer recrutar 100 profissionais de excelência no curto prazo, prevendo a contratação de cerca de 600 até final do ano. Há vagas em aberto para as funções de developer, software engineer, designer UX e product owner.

Para o efeito, a Invillia, que desenvolve inovações para ‘gamechangers’ globais, lançou a campanha ‘Hello Strangers’, instando “pessoas que se sentem ‘estranhas’ onde trabalham, a viverem uma experiência fantasticamente nova, numa ‘tech’ que compreende o gosto delas pelo extraordinário, pelo ‘geek’, pelo diferente”.

Com esta campanha, a empresa quer reforçar a ideia de que é uma alternativa universal, uma vez que a sede da empresa é virtual. “Enquanto as principais tecnológicas discutem a escassez de engenheiros e programadores e a possibilidade de um apagão no setor já em 2022, a Invillia aborda nesta ação uma outra perspetiva: a falta de espaço nas empresas para receber e desenvolver quem pensa diferente e quer ousar. Um deficit das próprias techs, e não do mercado”, explica Renato Bolzan, CEO da Invillia.

A estratégia é suportada numa campanha de ‘brand content’ com cinco histórias “geekcómicas” de cinco personagens que representam funções-chave na área das TI e brincam com a inquietude de se sentirem os “estranhos” no emprego atual. Além disso, durante os dois meses da campanha, estão previstas ações em comunidades de inovação e tecnologia, ”lives’ em diversos canais do universo ‘geek’ e micro eventos que abrirão conversas sobre o desafio de ser um “stranger”, tendências para o futuro, formação, conexão profissional-empresa no mundo remoto, inclusão e diversidade, entre outros temas que a Invillia elegeu como fundamentais.

A Invillia terminou o ano de 2020 com 800 colaboradores e um crescimento de 70% para um volume de negócios de 30 milhões de euros. A expectativa é manter uma taxa semelhante este ano e atingir os 1.500 colaboradores.

Recomendadas

António Alberto Teixeira nomeado ‘chairman’ da Ibersol

Foram ainda nomeados para o conselho de administração o vice-presidente António Pinto de Sousa, que era até agora presidente, e os vogais Maria do Carmo Guedes Antunes de Oliveira, Juan Carlos Vazquez-Dodero de Bonifaz e Maria Deolinda Fidalgo do Couto.

Apoio ao sector do mel reforçado com cerca de 2 milhões de euros

O ministério liderado por Maria do Céu Antunes recorda que o apoio a este setor será integrado no Plano Estratégico da Política Agrícola Comum, a partir de 1 janeiro 2023.

Empresária Tchizé dos Santos “triste” com fim do Vida TV e ambiciona novo canal no mercado português

O canal comunicou a decisão aos seus colaboradores de que vai fechar portas em 31 de julho, deixando no desemprego mais de 300 profissionais, na sequência da rescisão do contrato com a DSTv.
Comentários