NEC e Interpol fazem parceria para reforçar cibersegurança

O acordo entre as duas organizações irá substituir o assinado em 2014.

A NEC Corporation anunciou a conclusão de um acordo global de cibersegurança com a INTERPOL. Esta parceria irá substituir um outro acordo assinado em 2014.

A combinação da rede internacional da INTERPOL com as soluções de cibersegurança da NEC, irá auxiliar a investigação e análise de crimes cibernéticos complexos e sofisticados, contribuindo assim para fortalecer a segurança a nível internacional.

Através desta parceria, a NEC vai fornecer ao Programa de Cibercrime da INTERPOL serviços que contribuem para a investigação e detecção de crimes cibernéticos, incluindo a identificação de situações de cibercrime, a identificação de criminosos, a identificação de sinais de crime e, ainda, a formação dos investigadores de cibercrime e especialistas forenses pertencentes à INTERPOL.

PCGuia
Recomendadas

BNI Europa agravou prejuízos para 6,6 milhões de euros até junho

O ativo líquido total era em junho passado de 351,5 milhões de euros, neste caso menos 66,5 milhões de euros face a junho de 2019.

Banco de Portugal obriga financeiras em regime de livre prestação de serviços a reporte

Centenas as instituições estão registadas em Portugal como instituições de crédito da União Europeia em regime de livre prestação de serviços e entidades de moeda eletrónica com sede na Europa em regime de livre prestação de serviços, caso dos bancos digitais N26, Openbank ou Revolut.

Transportes Metropolitanos de Lisboa aprovado pelo Conselho Metropolitano

A Área Metropolitana de Lisboa detém a totalidade da empresa, que vai o património da empresa OTLIS – Operadores de Transportes da Região de Lisboa.
Comentários