Netflix pirata. Vírus espalha-se pela WhatsApp e rouba dados dos cartões de crédito

Apesar de a Check Point dizer que «travou» esta campanha de malware, os investigadores avisam de que este tipo de ataque vai continuar a acontecer.

10 – Netflix (223 milhões de downloads)

A Check Point identificou um novo tipo de malware que usava a app de mensagens WhatsApp para roubar dados de cartões de crédito. Segundo a empresa de segurança, os hackers faziam passar-se por um serviço da Netflix, o FlixOnline.

Este ataque era do tipo ‘wormable’, ou seja, espalhava-se por vários smartphones Android depois de o utilizador clicar no link da mensagem que recebia por WhatsApp, onde eram prometidos dois meses grátis de Netflix.

«A FlixOnline prometia acesso ilimitado ao conteúdo da famosa plataforma streaming. Assim que descarregado, o malware disseminava-se através do WhatsApp entre os grupos e contactos da vítima, para onde eram enviados automaticamente links maliciosos», explica a Check Point.

A empresa diz que esta app pirata foi descarregada cerca de quinhentas vezes na Play Store da Google e, apesar de a Check Point dizer que «travou» esta campanha de malware, os investigadores avisam de que este tipo de ataque vai continuar a acontecer.

PCGuia
Recomendadas

Qual é a diferença entre marketplace e e-commerce?

Nas suas compras virtuais procure o selo CONFIO que é um certificado atribuído a plataformas que cumprem as melhores práticas do mercado digital e da utilização da Internet e tenha sempre em atenção à sua cibersegurança, questione e procure informação em caso de dúvidas.

Saiba como funcionam os contadores inteligentes de eletricidade

Certamente já ouviu falar nos contadores inteligentes de eletricidade e nas suas funcionalidades. Mas de que se trata Basicamente são aparelhos que fazem medições digitais relacionados com redes inteligentes e que procedem ao envio automático das leituras.

Governo simplifica emissão de comprovativos do exercício de atividade profissional

A medida Simplex permite a emissão dos certificados necessários para quem pretenda ir trabalhar para um dos 27 Estados-membros da União Europeia, através de uma Mera Comunicação Prévia (MCP), no portal ePortugal (Balcão do Empreendedor).
Comentários