Norges Bank passa a deter mais de 2% da REN

“Passa a ser imputável ao Norges Bank uma participação qualificada na REN de 2,04% (correspondente a 13.607.355 ações)”, lê-se no comunicado remetido à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

O Norges Bank passou a deter, direta e indiretamente, uma posição qualificada de 2,04% na REN – Redes Energéticas Nacionais, foi hoje comunicado ao mercado.

“Passa a ser imputável ao Norges Bank uma participação qualificada na REN de 2,04% (correspondente a 13.607.355 ações)”, lê-se no comunicado remetido à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

O banco central da Noruega detém agora 1,92% de direitos de voto associados a ações e 0,12% detidos através de instrumentos financeiros, perfazendo um total de 2,04%.

Segundo a informação comunicada ao mercado, o Norges Bank não estava na estrutura acionista da empresa liderada por Rodrigo Costa.

Na sessão de hoje da bolsa, as ações da REN subiram 0,41% para 2,46 euros.

Recomendadas

Governo prepara novas linhas de financiamento às exportações

O secretário de Estado da Economia, João Correia Neves, que está em Milão na maior feira de calçado do mundo, vai colocar verbas do Portugal 2020 à disposição das empresas para a promoção da presença digital nos mercados internacionais.

Liberty cria ecossistema na ‘cloud’ pública

Construir um seguro à medida de cada um e uma oferta personalizável é o objetivo da Liberty Seguros com um novo ecossistema, afirma Alexandre Ramos, da área tecnológica da companhia.

Juíza trava proibição da WeChat nos Estados Unidos

Depois da chinesa Tik Tok, agora é a vez da aplicação de mensagens ver o bloqueio ser impedido, neste caso, pela justiça norte-americana.
Comentários