O mapa dos aumentos do salário mínimo na Europa

O aumento do salário mínimo, entre 2016 e 2017, em Portugal está em linha com a tendência de crescimento dos salários mínimos na União Europeia. Contudo, continua entre os países com o salário mínimo mais baixo, quer da UE quer da Zona Euro. Entre os vinte e dois países com salários mínimos, quinze registaram maiores aumentos entre 2016 e 2017 do que entre 2015 e 2016. Os mecanismos para a fixação do SM são diferentes entre os vários países, variando consoante o papel do Governo e de outros atores, assim como a frequência da actualização.

Relacionadas

Salário mínimo: empresários rejeitam “leilão de valores”

Apesar de estar prevista nova reunião de concertação social até ao fim do ano, acordo com patrões e sindicatos será difícil de alcançar.

“É preciso saber gerir”. A vida de quem recebe o salário mínimo

Mulher, com baixas qualificações e entre os 35 e os 44 anos: é este o retrato dos trabalhadores que recebem a retribuição mínima garantida.
Recomendadas

“Overtourism”: Estas 10 cidades estão a ser engolidas pelo turismo em massa

Com cada vez mais viajantes, o conceito de turismo em excesso alargou-se a mais destinos. Conheça os países que vão ser as principais vítimas deste fenómeno na próxima década.

O que fazer quando um crédito “desaparece” da Central de Responsabilidades

No caso de o crédito “desaparecer” da CRC não significa que a dívida deixou de existir, sendo que o consumidor mantém a sua responsabilidade perante a obrigação. Esta situação poderá ocorrer aquando da cessão de crédito (venda da dívida a terceiros), a favor de uma entidade fora do sistema financeiro, pelo que esta passa a assumir a posição de credor.

Mais de metade dos portugueses não confiam em fazer compras pela internet

Entre os consumidores que já aderiram às compras pela internet, 65% destacam como grande vantagem a comodidade. Por outro lado, 44% vê nas devoluções o maior entrave no ‘e-commerce’.
Comentários