Paddy Cosgrave responde a seguidor que pensava que roubo de portáteis tinha sido em Lisboa

Três portáteis na sede da Web Summit foram roubados. Paddy Cosgrave deixou um aviso na rede social Twitter de que os dispositivos electrónicos serão encontrados e relembra aos utilizadores que o roubo aconteceu em Dublin (sede da Web Summit) e não em Lisboa.

Paddy Cosgrave denunciou, esta quarta-feira, na rede social Twitter um roubo de três portáteis na sede da Web Summit, o maior evento tecnológico do mundo. A contrariar o pensamento inicial de muitos utilizadores, o criador e mentor do evento deixou claro que o roubo teve lugar em Dublin, e não em Lisboa onde decorre o evento.

Apesar de não serem conhecidas as identidades, Paddy Cosgrave garante que não terá dificuldades em chegar ao fundo da questão: “Para os rapazes e raparigas que levaram três portáteis emprestados do quartel general da Web Summit na última noite: Temos as vossas carinhas captadas por queridas câmaras 4K + áudio”, ironizou numa publicação.

“Devolvam os portáteis. Caso contrário, vou ligar para as casas dos vossos pais. Sim, nós estamos a monitorizar a localização dos portáteis, seus idiotas”, avisou o mentor da Web Summit no Twitter.

É importante relembrar que, apesar do evento ter palco na FIL, em Lisboa, a organização da Web Summit está sediada em Dublin. Ao tweet de Cosgrave, um utilizador afirmou: “Isto não aconteceria se fosse em Dublin”, ao que Paddy respondeu: “A nossa sede é em Dublin”.

 

 

 

Ler mais
Recomendadas

Alimentos com mais açúcar, sal e gorduras banidos da publicidade para crianças

A publicidade a alimentos com elevado teor de açucar, sal e gordura como os chocolates, barras energéticas e refrigerantes, está proibida a partir de hoje num raio de 100 metros das escolas e em programas infantis de televisão e rádio.

PremiumComo vamos alimentar 10 mil milhões em 2050?

O JE promoveu no passado dia 16, a conferência “Alimentar o Futuro”, marcando o arranque da 10.ª edição dos ‘Food & Nutrition Awards’. O evento contou ainda com a Sustainable Society Iniciative e o apoio da Vieira de Almeida & Associados (VdA).

Açores: Marcelo “muito impressionado” pela destruição “massiva” do furacão ‘Lorenzo’

A passagem do furacão causou a destruição total do porto das Lajes das Flores, o que colocou em risco o abastecimento ao grupo ocidental do arquipélago. O ‘Lorenzo’ provocou estragos na ordem dos 330 milhões de euros.
Comentários