Pangea Retail prepara abertura de lojas dos seus franchisados em Portugal

Apesar da pandemia, o mercado português da moda continua a atrair investimentos. A Pangea Retail, especializada na gestão de franchisings do setor, acaba de abrir uma representação em Lisboa.

A Pangea Retail, empresa especializada na expansão e gestão de franchisados na área do comércio da moda, acaba de abrir uma representação em Portugal. A abertura de uma nova sede em Lisboa envolveu um investimento de 250 mil euros e a empresa – criada em 2008 por Jordi Farré – já iniciou contactos com alguns de seus parceiros internacionais para abrirem em Portugal .

A empresa já está à procura de locais para novas aberturas das marcas que representa, nomeadamente a Celio, Unique Centers, Xaomi e KidsD Kids. Citado pela imprensa espanhola, Jordi Farré afirmou que, apesar do impacto do coronavírus, “80% das aberturas previstas irão acontecer, vão demorar, mas serão feitas.

Para o fundador da empresa, a Pangea Retail, que trabalha com vinte marcas internacionais, está a preparar a adaptação do seu modelo de gestão aos desafios das obrigações decorrentes da pandemia de Covid-19.

A empresa, que controla a expansão e gestão de franquias para grupos como a Celio, KidsD Kids, Aw Lab, Pikolinos, Levi’s, Inside, Uno de 50, Parfois e Yves Rocher, estava até agora localizada em Madrid e Milão.

Entretanto, a empresa está a trabalhar na implementação de uma nova frente de negócios que envolve a introdução de produtos de marca em lojas já existentes, sejam físicas sejam online.

A empresa é especialista na “preparação e execução do plano de negócios de expansão internacional, com foco em três questões principais: desenho da estratégia de desenvolvimento; localizações privilegiadas e potenciais franqueados; e negociação e fecho de contratos.

Ler mais
Recomendadas

‘Caso EDP’: empresa confirma que já foi notificada pelo DCIAP para ser constituída arguida

Em comunicado, a energética portuguesa afirmou que “em linha com as notícias divulgadas na imprensa portuguesa no final do dia de ontem, a EDP foi hoje notificada pelo DCIAP de que deverá, nos próximos dias, designar um legal representante que compareça no DCIAP, a fim de ser constituída arguida”.

Nova companhia aérea de Neeleman deverá iniciar voos em 2021

A Breeze Airways, fundada por David Neeleman, cuja saída da TAP foi anunciada recentemente, deverá iniciar os voos em 2021, um lançamento que foi adiado pela pandemia de Covid-19, avançou hoje a Bloomberg.

Salários da CGD aumentaram em 2019 com início de pagamento de bónus

Os salários da administração da CGD cresceram para 3,6 milhões de euros no ano passado, um aumento de 22,5% justificado com o início de um programa de pagamento de remunerações variáveis, que já estava previsto, revelou o banco.
Comentários