Portugal Ventures fecha primeiro semestre com nove milhões de euros investidos

Com estes investimentos em 14 novas startups, integra no seu portefólio um conjunto de empresas que trazem sinergias relevantes na troca de conhecimento e experiência.

A Portugal Ventures apresentou esta semana as oito novas startups do seu portefólio: Azitek, Beamian, CellmAbs, Chemitek, Fyde, Lovys, Noocity e TargTex que representam um total de mais de cinco milhões de euros de investimento realizado em parceria com a rede de Ignition Capital Network e internacionais, que complementaram as operações com 2,8 milhões euros em co-investimento.

A estes novos investimentos juntase igualmente as startups da área do Turismo resultantes da Call Tourism anunciadas em 6 de junho – Oliófora, XLR8, Homeit e TripWix, e ainda a Advertio anunciada no dia 5 de fevereiro e Agrimarketplace a 2 de abril, ambas provenientes das edições de 2018 da Call MVP.

A Portugal Ventures terminou assim o primeiro semestre com 14 investimentos realizados num total de 9 milhões de euros contratados.

Para Rita Marques, CEO “Estes novos investimentos representam a importância na dinamização do mercado em conjunto com outros parceiros de co-investimento. Terminar o semestre com este volume de investimento, é também a prova do esforço de toda a equipa da Portugal Ventures e o culminar do trabalho que, juntos temos vindo a desenvolver desde Maio de 2018″.

Recomendadas

Fintech portuguesa ITSCREDIT é finalista dos “Banking Technology Awards”

Os Banking Technology Awards têm como objectivo premiar projectos inovadores que se destacam na área da banca ou serviços financeiros.

BPI volta a premiar empreendedores. Startups podem receber até 15 mil euros e uma viagem a Silicon Valley ou Cambridge

As inscrições para os “Prémios Empreendedor XXI” decorrem até ao próximo dia 4 de dezembro. O concurso conta com o apoio da Agência Nacional de Inovação e o Alto Patrocínio do Ministério da Economia.

Já estão abertas as candidaturas ao Free Electrons 2020 para startups de energia

Na última edição foram criados 59 projetos-piloto nas áreas da mobilidade, energias limpas, redes inteligentes, digitalização e serviços de apoio ao cliente.
Comentários