Portugueses criam caixa mágica com produtos de clubes e querem levá-la aos adeptos do mundo inteiro

Nos últimos sete meses a BBox Sports fechou duas rondas de investimento num valor total de 500 mil euros. A startup está a recrutar nas áreas da tecnologia, design (de produto e de experiência do utilizador), marketing digital e gestão.

Ivan da Silva Braz é o rosto por trás da marca BBox Sports, uma empresa que pretende levar surpresas aos fãs de futebol em todo o mundo. A startup fundada por este empreendedor português fechou duas rondas de investimento num valor total de 500 mil euros nos últimos setes meses e está agora a recrutar profissionais para as áreas da tecnologia, design (de produto e de experiência do utilizador), marketing digital e gestão.

A microempresa lançou-se no mercado depois de ser uma das selecionadas para o programa de aceleração City Startup Challenge, organizado pelo dono do Manchester City, o City Football Group. A ideia de negócio é simples, a inspiração surge do outro lado do Atlântico, onde estes produtos têm sucesso, dos cosméticos à literatura: a venda de uma caixa mistério que é entregue trimestralmente aos adeptos com produtos oficiais dos seus clubes.

Em Portugal, o Sport Lisboa e Benfica (SLB) foi o primeiro clube a aderir. Por 54,90 euros cada “box”, caixa, os fãs do chamado “desporto-rei” recebem entre quatro a seis produtos oficiais, que podem chegar a um valor superior a 100 euros e uma média de 5% do conteúdo em experiências oficiais, como por exemplo bilhetes VIP para assistir a um jogo a partir do camarote ou a oportunidade de interagir com o jogador preferido.

“Decidimos arrancar em Portugal com o Benfica, uma vez que é um dos maiores clubes do futebol internacional, seguido por muitos fãs em todo o mundo. Estamos muito orgulhosos que a primeira BBox Sports em Portugal tenha sido do actual campeão nacional”, explicou o CEO.

A BBox Sports refere que, em breve, serão anunciadas outras equipas do panorama nacional e que irá lançar igualmente de clubes internacionais das ligas de Espanha, Inglaterra e Brasil, nomeadamente Premier League, Serie A, Major League Soccer e Brasileirão.

Recomendadas

Ex-jogador do Real Madrid FC torna-se no primeiro futebolista a ser comprado com bitcoin

O clube que faz parte da DUX Gaming não divulgou o valor total do negócio, mas a mudança para Barral foi “possível” através do patrocinador do clube espanhol, a Criptan – uma plataforma local para compra e venda de criptomoedas.

Football Leaks: Contradições de inspetores da PJ levam juízes a questionar provas

As contradições entre os depoimentos dos inspetores da Polícia Judiciária Hugo Monteiro e Aida Freitas levaram esta terça-feira o coletivo de juízes do julgamento deste processo a questionar a fiabilidade das provas. Em causa estão as declarações das duas testemunhas a propósito do encontro entre o antigo CEO da Doyen.

Liga Portugal adverte que paragem desportiva poderá significar “colapso económico” das SAD

Sónia Carneiro, diretora executiva da Liga Portugal, realça o valor estimado para o prejuízo dos clubes até ao final da época “ronda os 266 milhões de euros”, decorrentes do facto de não haver público nos estádios e da diminuição do investimento de alguns patrocinadores.
Comentários