“Práticas do SNS para a oftalmologia permanecem num modelo do século XIX”, critica especialista português da OMS

Raúl de Sousa, presidente da Associação de Profissionais Licenciados de Optometria, defende, em entrevista à JE TV, que é necessário adotar a prestação de serviços refrativos por optometrista, não só para melhorar a qualidade de vida das pessoas mas também para reduzir custos. O especialista português sublinha a importância dessa medida, ao referir que a perda de produtividade em pessoas acima dos 50 anos representa uma despesa superior a 740 milhões de euros.

Recomendadas

Sete anos de resolução do BES: o que foi decidido?

O fim do Banco Espírito Santo foi decretado a 3 de agosto de 2014 por Carlos Costa, ex-Governador do Banco de Portugal. Conheça o que foi decidido nessa data em que o banco central colocou fim à instituição centenária fundada pela família Espírito Santo, considerada a última dinastia de banqueiros em Portugal.

“Telemedicina? Houve um crescimento exponencial e veio para ficar. É uma oportunidade”, garante diretor da Pfizer Portugal

Numa altura em que cada vez mais os utentes se veem dependentes da telemedicina e das teleconsultas, a Pfizer Portugal desenvolveu um programa de formação que visa ajudar os profissionais de saúde neste novo desafio. Ao JE TV, Paulo Teixeira, diretor da Pfizer Portugal, reafirma a sua importância, garantindo que as duas modalidades vieram para ficar.

“Novo Banco? Medida de resolução acabou por resultar. Liquidação seria mais cara”, analisa grande repórter do JE

O que determinou à resolução do BES? Quanto é que custou salvar o Novo Banco? Existia uma alternativa à resolução do BES? No sétimo aniversário da resolução do BES por parte do Banco de Portugal, perceba o que desencadeou todo o processo e quantos milhões já foram injetados no Novo Banco nesta “Fast Talk” com Maria Teixeira Alves, grande repórter do Jornal Económico e autora do livro “O Fim da Era Espírito Santo”.
Comentários