Prepare-se. Combustíveis voltam a ficar mais caros na próxima semana

Combustíveis disparam na próxima semana. Se quer poupar uns euros, o melhor é atestar antes de segunda-feira.

O custo de ambos os combustíveis volta a encarecer na próxima semana. Fontes do sector sondadas pelo Jornal Económico apontam para uma subida de preço tanto para o gasóleo como para a gasolina de 3 cêntimos por litro: “A evolução dos preços de venda ao público deverá registar aumentos de até três cêntimos para ambos os combustíveis”. E para todos os tipos de produto, “sejam eles simples, normais ou premium”.

As subidas vão sentir-se tanto nas bombas das principais gasolineiras como nos postos dos hipermercados, onde “os aumentos devem rondar os 2,5 cêntimos por litro para ambos os produtos”, apurou o Jornal Económico.

Aumentos desta dimensão não são muito habituais. Este ano, só se registaram três subidas do mesmo valor no caso da gasolina (em Abril, Maio e Outubro). No que diz respeito ao gasóleo, esta é a quinta valorização de três cêntimos desde o início do ano (depois das subidas de Fevereiro, Abril, Maio e Outubro).

A contribuir para a subida dos preços está o aumento das cotações da gasolina e do gasóleo nos mercados internacionais, que acompanham o aumento do crude. O Brent, petróleo de referência na Europa, registou uma subida semanal superior a 4%. A desvalorização do euro face à ‘nota verde’ também agrava a subida dos preços dos combustíveis para os consumidores europeus, dado que a matéria-prima é negociada em dólares.

Segundo dados da Direcção Geral de Energia e Geologia (DGEG), o preço médio do litro de gasolina em Portugal está actualmente nos 1,431 euros, enquanto o gasóleo vale 1,207 euros. As cotações podem no entanto variar nos postos de abastecimento, já que o preço fixado na rede tem ainda em conta o nível de concorrência, da oferta e da procura em cada mercado e o nível de custos fixos de cada posto.

De acordo com o último relatório de Bruxelas, depois de impostos, o preço médio da gasolina 95 octanas praticado em Portugal é o sexto mais caro em toda a UE. Já o gasóleo ocupa a 9ª posição entre os 28 países do espaço comunitário.

Os mesmos dados mostram que a fiscalidade é o factor que mais pesa nos preços dos combustíveis em Portugal. Retirados os impostos, o ‘diesel’ desce para o 20º lugar do ‘ranking’ europeu enquanto a gasolina diminui para a 14ª posição.

Os mais Económicos

Gasolina(s):

– Pingo Doce do Cartaxo – 1.289€

– Pingo Doce da Moita – 1.289€

– Pingo Doce de  Castelo Branco – Cruz de Montalvão – 1.289€

– Intermarché de Estajerra – 1.295€

– Intermarché de Porto de Mós – 1.298€

Gasóleo(s):

– Pingo Doce de Aveiro – 1.058€

– Rede Energia de Monte Gordo – 1.059€

– Intermarché do Cartaxo – 1.059€

– Pingo Doce do Cartaxo – 1.059€

– Pingo Doce da Moita – 1.059€

Ler mais

Recomendadas

Governo: Portugal é o sétimo país da Europa que realiza mais testes

Secretário de Estado da Saúde disse que o país está a realizar testes para o novo coronavírus em 83 mil pessoas por milhão de habitantes.
antónio_costa_silva_partex_5

Costa Silva não vai ser remunerado para coordenar programa de recuperação do Governo

O gestor já foi oficialmente nomeado para preparar o Programa de Recuperação Económica e Social 2020-2030.

Bruxelas lança segunda fase da consulta aos parceiros sociais sobre “salário mínimo justo”

O objetivo é avançar depois de setembro para as negociações entre os parceiros sociais para a “celebração de um acordo” nos termos previstos nos Tratados ou a apresentação de uma proposta pelo executivo comunitário. Entre os objetivos está a eliminação ou limitação das variações e isenções ao salário mínimo.
Comentários