Primeira fase da vacinação contra a gripe arranca a 27 de setembro

A segunda fase integrará os outros grupos-alvo abrangidos pela vacinação gratuita, destacando-se pessoas com idade igual ou superior a 65 anos e pessoas portadoras de doenças ou condições que constam na norma da vacinação contra a gripe, explica a DGS.

Reuters

A primeira fase do processo de vacinação contra a gripe arranca na próxima segunda-feira, 27 de setembro e irá decorrer em simultâneo com a vacinação contra a Covid-19.

De acordo com o comunicado divulgado esta quinta-feira pela Direção-Geral de Saúde (DGS), o processo que será gratuito está destinado a pessoas em determinados contextos, incluindo residentes, utentes e profissionais de estabelecimentos de respostas sociais, doentes e profissionais da rede de cuidados continuados integrados e profissionais do Serviço Nacional de Saúde.

A nota informa ainda que nesta fase estão ainda incluídas as grávidas.

“A vacina contra a gripe é fortemente recomendada para grupos prioritários da população e é uma medida de prevenção primária com impacte na ocorrência e gravidade da doença”, apelam o responsáveis da DGS.

A segunda fase integrará os outros grupos-alvo abrangidos pela vacinação gratuita, destacando-se pessoas com idade igual ou superior a 65 anos e pessoas portadoras de doenças ou condições que constam na norma da vacinação contra a gripe.

A DGS “apela à adesão das pessoas que têm critério para a vacinação contra a gripe, num processo que será feito de forma organizada, decorrendo nos próximos meses”.

Recomendadas

Portugal regista 604 novos casos de Covid-19 e quatro mortes

Há mais 243 pessoas recuperadas da doença causada pelo vírus SARS-CoV-2, de acordo com o boletim epidemiológico divulgado este domingo pela Direção-Geral da Saúde.

Portugal tem 85,7% da população vacinada contra a Covid-19. Agendamento da terceira dose em +80 anos disponível na terça-feira

Em relação à gripe, cuja segunda fase da campanha de vacinação contra a gripe começou na segunda-feira para quem tem 65 anos ou mais, conta atualmente com 279 mil vacinas administradas, de acordo com a Direção-Geral da Saúde.

Dupla de empresas e centro de nanotecnologia criam etiqueta que alerta para tomar medicação

Para já, o público-alvo da Dosea são pacientes com doenças crónicas, mas os investigadores sublinham que as etiquetas podem ser usadas com outras patologias.
Comentários