Primeira quebra no crescimento dos portos do continente desde a crise financeira de 2008

Contrariando uma década de crescimento sucessivo, registado desde a crise de 2009, os portos do continente travaram o “disparo” sentido em 2016 e 2017, apresentando em 2018 uma quebra de 3,5% nas toneladas de carga movimentada. Só cresceram os portos de Aveiro (mais 9,2%) e de Faro (mais 73,7%). Os dois maiores portos, Sines e Leixões, sofreram reduções na carga total movimentada em 2018, que totalizaram menos 2,36 milhões de toneladas e tiveram forte impacto no conjunto da atividade dos portos do continente.

Recomendadas

As 25 maiores OPV dos Estados Unidos da América

A oferta pública inicial da empresa de Jack Ma é a maior de sempre em Wall Street. A OPV da Alibaba pulverizou a do Facebook por seis mil milhões. Aliás, as empresas chinesas têm marcado presença nesta lista através das telecomunicações (China Unicom), energia (China Petroleum & Chemical) e seguros (China Life Insurance). As áreas financeiras, automóvel, transportes e alimentação também estão presentes. Esta semana, também a Uber poderá tornar-se numa das maiores OPV de todos os tempos, esperando um encaixe de 10 mil milhões de dólares.

Portugal entre os países da Europa com mais acidentes de trabalho

Alemanha e França registam o maior número de acidentes de trabalho, o que se explica por serem os países mais industrializados. No geral, nos últimos anos, o número de vítimas mortais relacionadas com o trabalho, tem vindo a diminuir na Europa.

Vai pagar mais ou menos IMI em 2019? Este mapa ajuda-o a saber

Maio chega com a prestação do Imposto Municipal sobre Imóveis. Várias autarquias baixaram a taxa, mas outras aumentaram. Veja aqui qual é o seu caso. Clique na escala de cor para ver os concelhos que aplicam cada uma das taxas.
Comentários