Provedoria de Justiça recebeu 680 pedidos de apoio de pessoas com deficiência

A Provedoria de Justiça recebeu desde o início do ano e até novembro 680 pedidos de apoio através da Linha do Cidadão com Deficiência, um aumento de 8,5% face a igual período do ano passado.

Pedro Nunes/Reuters

A Provedoria de Justiça recebeu desde o início do ano e até novembro 680 pedidos de apoio através da Linha do Cidadão com Deficiência, um aumento de 8,5% face a igual período do ano passado.

Numa nota publicada no ‘site’ da Provedoria de Justiça a propósito do Dia Internacional das Pessoas com Deficiência, que se assinalou na segunda-feira, é referido que a maioria dos pedidos de apoio diz respeito à prestação social para a inclusão.

“Para esclarecer as pessoas com deficiência sobre os seus direitos e para, eventualmente, as encaminhar para as entidades que as podem auxiliar, o Provedor de Justiça tem ao dispor a Linha do Cidadão com Deficiência” através do número gratuito 800 20 84 62”, é destacado.

Através da Linha do Cidadão com deficiência, as pessoas podem pedir informações sobre os direitos e apoios na saúde, segurança social, habitação, equipamentos sociais e serviços.

O Dia Internacional das Pessoas com Deficiência foi instituído pela Assembleia Geral das Nações Unidas em 1992.

A Provedoria de Justiça salienta que a Convenção das Nações Unidas sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência afirma como princípios fundamentais a dignidade, autonomia e liberdade de escolha das pessoas com deficiência, a não discriminação, a participação, o respeito pela diferença, a igualdade, a acessibilidade e a capacidade das crianças com deficiência se desenvolverem preservando a respetiva identidade.

Ler mais
Relacionadas

Mais de 30% da população portuguesa tem deficiências

Esta segunda-feira, 3 de dezembro, assinala-se o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência. O Eurostat refere que, no passado, cerca de um quarto da população da União Europeia com mais de 16 anos tinha deficiências.
Recomendadas
luís_menezes_leitão_bastonário_ordem_advogados

Ordem dos Advogados vai iniciar revisão dos estatutos

A entidade liderada por Luís Menezes Leitão deliberou ainda, em reunião do Conselho Geral esta sexta-feira, que irá averiguar eventuais situações de incompatibilidade de advogados nos conselhos superiores do Ministério Público.

PremiumDeco perde ação judicial contra ex-gestores do BES

Era uma mega ação de pedido de indemnização em nome dos pequenos acionistas que foram lesados pelo aumento de capital do antigo BES, mas o Tribunal da Relação manteve a decisão desfavorável à Deco.

Joana Marques Vidal alerta que simplificar contratação pública pode promover “atos de corrupção”

A ex-Procuradora Geral da República alerta que é preciso ter “muito cuidado” com a simplificação dos procedimentos concursais para executar os fundos comunitários. Caso contrário, poderá promover-se “eventuais atos de corrupção”, avisa.
Comentários