PS assinala “vontade inequívoca” do Governo de reforçar funções sociais do Estado e fazer investimento público

José Luís Carneiro encerrou a ronda de dois dias de reuniões do Governo com os partidos representados na Assembleia da República para debater o Programa de Estabilização Económica e Social.

O secretário-geral-adjunto do PS, José Luís Carneiro, disse que existe “uma vontade renovada” de apoiar a micro, pequena e média atividade económica no final da última das reuniões que o Governo realizou com partidos com representação parlamentar para debater o Programa de Estabilização Económica e Social.

No final do encontro, no qual a comitiva socialista foi recebida pelo primeiro-ministro António Costa, pelos ministros de Estado Mário Centeno (Finanças), Pedro Siza Vieira (Economia) e Mariana Vieira da Silva (Presidência), e pelo secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares, Duarte Cordeiro, José Luís Carneiro destacou que o Governo tem a “vontade inequívoca de salvaguardar e reforçar as funções sociais do Estado e ao mesmo promover a estabilização económica e social por intermédio do investimento público”.

Apesar de terem ficado claras as prioridades do Executivo para tentar fazer com que a economia portuguesa recupere do impacto da Covid-19, o antigo secretário de Estado das Comunidades Portuguesas realçou a abertura para ouvir propostas dos outros partidos ao longo das reuniões realizadas na segunda e na terça-feira.

Relacionadas
rui_rio_psd_legislativas_1

Rui Rio admite aprovação do Orçamento Suplementar pelo PSD

Líder social-democrata avançou que o documento “contará naturalmente com o apoio do PSD” se representar a correção do Orçamento do Estado que está em vigor para adaptar “tudo o que foi necessário e tudo o que vai ser necessário fazer” no combate à Covid-19.

Catarina Martins quer “lay-off” com salário pago a 100% e apoios urgentes antes do Orçamento suplementar

Coordenadora do Bloco de Esquerda também defendeu que empresas fiquem dispensados do pagamento por conta do IRC, estabelecendo um paralelismo com a intenção bloquista de proibir a distribuição de dividendos. “Os lucros do ano passado não devem servir de bitola para este ano”, defendeu no encontro na residência oficial do primeiro-ministro.

Jerónimo de Sousa afasta manutenção “ad aeternum” do “lay-off” simplificado que torne “banal aquilo que é inaceitável”

Delegação do PCP foi a primeira a ser recebida na residência oficial do primeiro-ministro no âmbito de uma ronda de contactos com os partidos para a elaboração do Programa de Estabilização Económica e Social e do orçamento suplementar que o acompanhará.

Chega sugere “redução de despesas supérfluas do Estado”

Um dos exemplo apresentados por André Ventura para a redução de despesas do Estado é o corte “no número de organismos desnecessários quer no continente quer na regiões autónomas”

CDS-PP pede que Governo duplique valor das linhas de crédito

O CDS-PP acredita ser preciso “duplicar o valor das linhas de credito e com uma percentagem significativa deste valor seja a Fundo Perdido”.

PAN pede reforço do Fundo Social Municipal

O reforço do Fundo Social Municipal visa ajudar “pessoas que não têm dinheiro para comprar comida, não têm dinheiro para fazer face a pequenas despesas do dia-a-dia”, disse André Silva, que defendeu também a necessidade de regular o trabalho à distância.

Governo aberto para suspender este ano pagamento por conta do IRC, diz deputado de “Os Verdes”

No plano político, o deputado do PEV considerou que “ainda é cedo” para definir uma posição sobre esses diplomas do Governo, quando, para mais, durante a reunião de hoje, nenhum documento escrito foi entregue por parte do executivo.

Iniciativa Liberal recusa investimento público “muito vultuoso e sem retorno” como nos governos de José Sócrates

João Cotrim Figueiredo aproveitou o encontro com o Governo para requerer que a “moratória” nas cirurgias e consultas que resultou da concentração do Serviço Nacional de Saúde na resposta à Covid-19 seja respondida com recursos à saúde privada e social.
Recomendadas

Portugal quer “reforçar cooperação” com Guiné-Bissau na saúde, educação e justiça

António Costa afirma ter sublinhado o seu “empenho pessoal no relacionamento fraterno entre Portugal e a Guiné-Bissau”, que “deve estar à altura dos laços históricos” que unem os dois povos.

Governo revela plano de contingência para evitar colapso do SNS no outono

O gabinete de Marta Temido anunciou algumas medidas que deverão evitar o colapso do SNS numa altura em que a gripe sazonal marca o regresso. O Ministério da Saúde vai antecipar já para o início de outubro a vacinação contra a gripe sazonal e reforçar cuidados intensivos e laboratórios.

PremiumNovo Banco: Bloco de Esquerda considera “opaco” acordo com Bruxelas

BE já pediu documentos sobre cláusula em que Estado aceitou ser responsável por tudo aquilo que correr mal associado ao Novo Banco.
Comentários