PSI-20 em terreno positivo segue em sentido contrário das congéneres europeias

Entre as principais praças europeias, o alemão DAX recua 0,02%, o britânico FTSE 100 cai 0,09% e o espanhol IBEX 35 que desvaloriza 0,05%. Só o francês CAC 40 segue em sintonia com a bolsa portuguesa, a valorizar 0,05%.

A bolsa portuguesa segue em terreno positivo, invertendo a tendência de abertura e em sentido contrário das suas congéneres europeias a meio da sessão. O principal índice bolsista português (PSI 20) sobe 0,50% para 5.499,97 pontos.

Na bolsa portuguesa, destaque para a Mota-Engil, com as ações a valorizarem 4,85% para os 1,427 euros. Segue-se a EDP Renováveis que sobe 0,61% para 22,96 euros, a Jerónimo Martins sobe 1,58% para os 18,37 euros, a Sonae aumenta 1,03% para os 0,93 euros e a REN ganha 0,40% para os 2,50 euros.

“A Mota-Engil apresentou hoje os seus resultados referentes ao primeiro semestre deste ano. A empresa registou lucros de oito milhões de euros, o volume de negócios da construtora atingiu os 1.138 milhões de euros, registando um recuo de 2% face ao mesmo período do ano passado. O EBITDA subiu 25% para 181 milhões de euros e foi impulsionado por uma maior eficiência operacional em todas as regiões”, escreve Henrique Tomé, analista da XTB.

As ações da empresa reagiram em alta e lideram os ganhos no PSI-20 neste momento. A Mota-Engil (EGL.PT) regista ganhos superiores a 4% durante esta sessão e consegue ultrapassar os máximos de 16 de julho deste ano.

Entre as principais praças europeias, o alemão DAX recua 0,02%, o britânico FTSE 100 cai 0,09% e o espanhol IBEX 35 desvaloriza 0,05%. Só o francês CAC 40 segue em sintonia com a bolsa portuguesa, a valorizar 0,05%.

O preço do petróleo está a subir nos dois lados do atlântico. Em Nova Iorque, o WTI aumenta 0,64% para os 69,03 dólares por barril, enquanto o Brent valoriza 0,66% para os 72,06 dólares em Londres.

No mercado cambial, o euro aprecia 0,15% face ao dólar norte-americano, para 1,1854 dólares.

Recomendadas

Fundos ESG ainda têm muito espaço para crescer em Portugal

No ano passado, a maioria das subscrições de fundos ESG foram feitas por pessoas singulares (99,2%), segundo os dados da CMVM, que mostram que as subscrições líquidas se revelaram nos quatro últimos anos, apesar de 2020 ter apresentado uma diminuição de 75% face a 2019.

Wall Street fecha em alta primeira semana de resultados trimestrais

O sector financeiro arrancou mais uma época de resultados trimestrais com lucros que superaram as expectativas do mercado, impulsionando os três principais títulos norte-americanos a ganhos na semana.

PremiumMinutas da Fed sinalizam ‘tapering’ em novembro

Reserva Federal norte-americana sinalizou início do ‘tapering’ no próximo mês. Inflação pressiona ações. Começou a apresentação de resultados nos Estados Unidos.
Comentários