Queda de avião da Ethiopian Airlines sem sobreviventes

A bordo do Boeing 737-8 MAX estavam pessoas de 33 nacionalidades.

Nenhuma das 157 pessoas que estavam a bordo do avião da Ethiopian Airlines que hoje se despenhou pouco depois de descolar de Adis Abeba, Etiópia, terá sobrevivido, admitiu um porta-voz da companhia aérea à emissora estatal etíope EBC.

O mesmo porta-voz acrescentou que a bordo do Boeing 737-8 MAX estavam pessoas de 33 nacionalidades.

A bordo do aparelho estavam 149 passageiros e oito tripulantes.

De acordo com as informações iniciais avançadas pela imprensa internacional, o acidente com o avião Boeing 737-8 MAX – que realizava um voo regular entre Adis Abeba e Nairobi (Quénia) – terá ocorrido às 08:44 (horas locais) no domingo, cerca de seis minutos após a descolagem na capital da Etiópia.

As causas do acidente ainda não são conhecidas.

O primeiro-ministro da Etiópia, Abiy Ahmed, já manifestou na sua conta oficial na rede social Twitter “profundas condolências” às famílias das vítimas.

A Ethiopian Airlines é membro da Star Alliance (a mesma que integra a transportadora portuguesa TAP) desde dezembro de 2011 e, de acordo, com o ‘site’ da aliança, trata-se da companhia de bandeira da Etiópia e líder em África.

A Ethiopian Airlines foi fundada em 21 de dezembro de 1945 e a sua rede abrange Europa, América do Norte, América do Sul, África, Médio Oriente e Ásia, ligando as cidades em todo o mundo.

Ler mais
Relacionadas

Avião cai na Etiópia com 157 pessoas a bordo. Não há sobreviventes

O avião, um Boeing 737, despenhou-se pouco depois de descolar da capital Adis Adeba este domingo de manhã.
Recomendadas

Empresário da água e das vacinas torna-se no homem mais rico da Ásia

O património líquido de Zhong Shanshan atingiu um pico de 95 mil milhões de dólares (78,3 mil milhões de euros) no início de janeiro deste ano, e agora situa-se nos 84,7 mil milhões de dólares (69,8 mil milhões de euros), de acordo com o Índice de bilionários da “Bloomberg”.

Alemanha prolonga confinamento até 14 de fevereiro com receio das novas estirpes

O governo de Berlim propôs que as ajudas às empresas fossem adaptadas perante o anúncio da extensão, e revelou ainda a criação de um grupo de trabalho para traçar um plano para garantir uma estratégia segura e justa para travar o ritmo de infeções no território.

Democracia nos EUA prevaleceu perante “minoria violenta”, realça Governo britânico sobre nomeação de Biden

“A retoma do Congresso e a certificação da vitória de Joe Biden a 7 de janeiro enviaram uma mensagem essencial”, garantiu o secretário dos Negócios Estrangeiros britânico.
Comentários