SIC já entregou processo contra Cristina Ferreira em que reclama indemnização de 20 milhões

A SIC já deu entrada com um processo contra a apresentadora e diretora de ficção e entretenimento da TVI, Cristina Ferreira, no Tribunal Judicial da Comarca de Lisboa, para o pagamento de uma indemnização de 20 milhões de euros.

De acordo com o portal Citius, consultado pela Lusa, o processo da SIC – Sociedade Independente de Comunicação contra Cristina Maria Jorge Ferreira e a empresa Amor Ponto, Lda, deu entrada no dia 23 de setembro, e visa o pagamento de uma indemnização, no valor de 20.287.084,54 euros, na sequência do incumprimento do contrato com a SIC.

Contactada pela Lusa, fonte oficial da SIC confirmou “que deu entrada ontem [quarta-feira] um processo” contra Cristina Ferreira no tribunal.

Em 19 de agosto, foi tornado público que a SIC exigia uma indemnização de 20 milhões de euros à apresentadora, devido ao incumprimento do contrato que estava em vigor até 2022, mas Cristina Ferreira refutou e disse que iria defender os seus interesses “até às últimas instâncias”.

Sobre esta matéria, “gostaria apenas de esclarecer que a referida quantia não tem qualquer fundamento ou base contratual, pelo que refuto em absoluto a pretensão daquela entidade, estando disposta a assegurar e defender os meus interesses até às últimas instâncias”, declarou Cristina Ferreira, na altura.

O montante apurado tem em conta, além do incumprimento do contrato, os prejuízos calculados por perdas de receitas em IVR (concursos com chamadas de valor acrescentado), em publicidade, em patrocínios e em ações comerciais.

A saída de Cristina Ferreira da SIC foi conhecida em 17 de julho, altura em que foi anunciado que iria regressar à TVI em setembro como diretora e tornar-se acionista da Media Capital.

Ler mais
Relacionadas

Cristina Ferreira diz que comprou 2,5% da TVI com as suas poupanças e rejeita que tenha de pagar 20 milhões à SIC

A apresentadora disse que pagar 20 milhões à SIC é um número “sem fundamento”, mas avança que vai pagar uma cláusula de rescisão, conforme prevista no contrato. “Vivendo em liberdade, cada um pode fazer as suas escolhas”, disse Cristina Ferreira.

Cristina Ferreira: “Investimento de 1 milhão de euros por 2,5% da Media Capital é das minhas poupanças”

Cristina Ferreira falou ainda do tempo que passou na SIC, revelando que, fora da TVI, sentiu-se “emigrante”. “Há um projeto para o qual eu fui que depois acabou por não ser o que tinha imaginado”, revelou a apresentadora.
Recomendadas

Allianz compra 75% da Galp Gás Natural Distribuição por 368 milhões

A operação ficou fechada por 368milhões de euros. A Galp Gás Natural Distribuição detém nove empresas regionais de distribuição de gás natural em Portugal.

Estudo de impacto ambiental dá ‘luz verde’ ao projeto de modernização do terminal de contentores de Alcântara

Em entrevista ao Jornal Económico, Diogo Marecos, administrador da Liscont, concessionária do terminal detida pelo grupo turco Yilport, garante que a empresa está pronta para avançar com este projeto no primeiro trimestre de 2021, cujo investimento, de 120 milhões de euros, será da sua exclusiva responsabilidade.

Liscont prossegue trabalho no porto de Lisboa apesar de greve de estivadores se manter desde 19 de fevereiro

Diogo Marecos reconhece, em declarações ao Jornal Económico, que a atividade da empresa foi afetada pela greve e pela fuga de armadores internacionais do porto de Lisboa, uma situação que o Grupo Yilport está tentar ultrapassar.
Comentários